O #Botafogo já está em Montevideu, onde enfrentará nessa quinta-feira (6) o Nacional, time considerado 'cascudo' que vai dar muito trabalho ao time carioca. Porém, o momento alvinegro não é muito bom, já que o time vem de três jogos sem vencer e o pior, sem marcar gols. A esperança para sair com um bom resultado nessa quinta-feira é Roger, atacante que tem a confiança de Jair Ventura para marcar os gols necessários para o time passar de fase.

''A volta da Libertadores é o nosso melhor remédio para curar os últimos resultados negativos. Perder sempre é ruim. A partida contra o Avaí pode ter sido a que mais doeu. Mas, acredito que esses resultados ruins irão acabar.

Publicidade
Publicidade

O Campeonato Brasileiro é complicado, mas o nosso foco é a Libertadores. Queremos muito jogar essa partida. Desde o sorteio já pensamos nisso. As derrotas irão acabar na quinta-feira'', comentou o atacante antes de embarcar para o Uruguai.

O último jogo do Botafogo pela libertadores foi no dia 25 de maio. Desde então, o time focou na Copa do Brasil e Brasileirão, onde vinham fazendo uma boa campanha, até começar a oscilar nos últimos jogos.

O Botafogo tem um grande adversário pela frente e precisará de força total para sair do país vizinho com um bom resultado. O fato de decidir em casa será de grande ajuda, mas para melhorar, é preciso marcar gols fora de casa e de preferência não tomar nenhum. Roger falou da característica do time nessa Libertadores.

''Temos o nosso modo de jogar. O nosso jeito de jogar é se entregar 100%, essa é a nossa receita.

Publicidade

Eu tenho que marcar um volante e tentar aproveitar as bolas paradas. Temos que ter calma no começo, o estádio é pequeno e iremos esperar um pouco'', afirmou o atleta.

O alvinegro vem sofrendo com problemas físicos nas últimas semanas e deixa ainda mais enxuto o curto elenco que Jair Ventura tem a disposição. Alguns nomes podem sair, como Emerson Santos, que interessa ao Internacional e assim deixar ainda pior a vida do treinador.

O Nacional deve partir para cima do alvinegro para tentar marcar gols em casa e encaminhar a classificação. Já o Glorioso deve ficar esperto, não dá espaços e ficar ligado no contra-ataque.

No ano passado esse mesmo time foi quem tirou o técnico Tite da competição. O Corinthians vinha fazendo uma boa campanha, até que foi enfrentar os uruguaios e acabou sendo eliminado em casa.

A partida acontece nessa quinta-feira, 6 de junho, no estádio Parque Central, às 21h45. #Esportes #Futebol