O lateral-esquerdo Guilherme Arana vem sendo constantemente alvo de times europeus nesta janela de transferência. Após o Corinthians recusar propostas do Bordeaux da França e do CSKA da Rússia, o jogador deve novamente ser alvo dessas equipes já nos próximos dias.

Segundo notícia publicada pelo site Globo Esporte, os empresários do atleta esperam que nos próximos dias o CSKA faça nova oferta, desta vez por 15 milhões de euros, cerca de 56 milhões de reais, para tirar o jogador do Parque São Jorge. O #Corinthians é dono de 40% de seus direitos federativos, no entanto os dirigentes preferem não fixar um valor mínimo para fechar o negócio.

Publicidade
Publicidade

Após a vitória diante da Ponte Preta por 2 a 0, no último sábado (8), na Arena Itaquera, o jogador afirmou que não deseja sair do clube neste momento, preferindo ficar até o final do campeonato. O discurso bate com o da diretoria, que assegurou que só iria liberar jogadores após o final do Campeonato Brasileiro. O jogador alegou que até o momento não recebeu nenhum tipo de proposta. “Quero ficar até o final do campeonato fazendo bons jogos”, afirmou o atleta.

De volta, mas nem tanto

Enquanto o elenco corintiano é visado por times de fora, um jogador que estava na Europa voltará a treinar no clube a partir desta segunda-feira. O atacante Luciano, cujos direitos pertencem ao Corinthians, utilizará as dependências do clube, mas suas chances de voltar a defender o time no momento são remotas, uma vez que não está nos planos de Fábio Carille.

Publicidade

O atleta disputou o último Campeonato Espanhol pelo Leganes e está sem contrato desde a semana passada, quando terminou seu acordo com os pepineiros.

O jogador já foi alvo do Cruzeiro e atualmente vem sendo especulado pelo Botafogo. As negociações com o time carioca tinham dado uma esfriada, porém seu nome voltou com força nos últimos dias. Apesar disso, Luciano já teria afirmado que sua vontade seria de permanecer jogando no exterior.

Pode sair

Outro que pode deixar o Corinthians no final do ano é o atacante Clayton. Emprestado até o final do ano pelo Atlético Mineiro, o clube paulista não deverá exercer sua prioridade de compra, uma vez que o valor fixado de 3,5 milhões de euros é considerado alto e ele já teria, inclusive, recebido sondagens de times do exterior, porém nenhuma proposta oficial. Nesta temporada, Clayton esteve em campo em 11 partidas e anotou dois gols.

Líder do Campeonato Brasileiro com 32 pontos em 12 jogos, o Corinthians volta a campo na próxima quarta-feira (12), para encarar o Palmeiras, no Allianz Parque. #Mercado da bola #Brasileirão