Publicidade
Publicidade

O São Paulo voltou a dar vexame nesta quinta-feira (13) e não passou de um empate contra o Atlético-GO em pleno estádio do Morumbi com direito a gol de calcanhar do adversário. O resultado deixou a equipe na 17º colocação, com apenas 12 pontos. Nas redes sociais, a revolta com alguns jogadores e principalmente com o presidente Carlos Augusto de Barros Silva, o Leco, foi imediata.

Além dos vários xingamentos e de muita preocupação com a queda para a Série B, chamou a atenção o número de pessoas que afirmam que deixarão de ser sócios-torcedores enquanto Leco e toda a diretoria seguirem à frente do São Paulo. “Não só deixarei de ser sócio-torcedor como incentivarei vários amigos a fazerem o mesmo.

Publicidade

Chega! Com esse presidente não dá”, afirmou um. “Cancelando o meu sócio-torcedor amanhã”, afirmou mais um, “Devolvam o meu São Paulo, #Fora Leco!”, afirmou outro.

Outra forma de manifestação que alguns são-paulinos afirmam que irão fazer é não ir mais ao estádio. Ao término da partida com o Atlético-GO, um torcedor postou que estava saindo do Morumbi e garantindo que este ano não volta mais. “Se for para passar vergonha, fico em casa”, afirmou.

Torcedores se reunirão para pedir Fora Leco na frente do Morumbi

No Facebook, existe um evento marcado pela torcida tricolor para o próximo dia 19, às 19h30, na frente do Estádio do Morumbi para pedir a renúncia do presidente. A página #Fora Leco já conta com quase 7 mil pessoas declarando que irão ao evento e mais de 12 mil que manifestaram interesse em ir.

Publicidade

Esses números tendem a aumentar após a partida desta noite.

Nas redes sociais a hastag #ForaLeco está sendo usada por muito são-paulinos que não poupam críticas a gestão do presidente.

Torcida também está irada com Cueva e Wellington Nem

Apesar do presidente Leco ser disparado o alvo da fúria tricolor, os jogadores Cueva [VIDEO]e Wellington Nem também estão sendo muito criticados. A paciência da torcida com o meia peruano parece ter se esgotado de vez devido à má fase e atitude ocorrida no último domingo de dizer que não iria viajar para Santos se fosse para ficar no banco de reservas. Na partida desta noite, o primeiro gol do Atlético-GO ocorreu graças a uma falha dele, que ao invés de dar um chutão para se livrar da bola que estava na entrada da sua área, tentou dar um toque com efeito e serviu o adversário. Já a bronca com Wellington Nem se deve ao fato de que desde que chegou não conseguiu fazer uma única partida elogiável, erra lances simples e some em diversos momentos das partidas. #Cueva #São Paulo FC