O Palmeiras é, de novo, o dono do '#Mercado da bola'. Depois de contratar diversos nomes no começo do ano, o Verdão ainda está de olho em novos atletas. A investida pelo centroavante Diego Souza, do Sport, ainda não terminou. Alexandre Mattos, executivo de #Futebol, garantiu que o clube ainda pode concretizar o negócio mesmo os pernambucanos negando veementemente que não desejam se desfazer de Diego. Ele próprio disse que está feliz, mas que a negociação 'não depende só dele'.

No sábado (1), no Pacaembu, o Palmeiras bateu o Grêmio por 1 a 0 e subiu para a terceira posição do Campeonato Brasileiro. Com a vitória do Corinthians, a distância está em dez pontos, ou seja, praticamente quatro rodadas.

Publicidade
Publicidade

O técnico Cuca ficou contente com o resultado, mas já pediu para os jogadores 'virarem a chave' para a Copa Libertadores. Na quarta-feira (5), em Guayaquil, no Equador, o #Palmeiras enfrenta o Barcelona. O treinador entende que um empate é bom negócio, mas o Verdão vai atrás da vitória.

Proposta na mesa

Além do time, Cuca tem que se preocupar também com o assédio do exterior. O Besiktas, da Turquia, sondou o atacante Dudu em janeiro. Os turcos vieram para o Brasil e conversaram diretamente com os empresários do jogador. Não teve acordo. Dudu confirmou que queria ficar e ganhar o torneio continental, além de tentar uma vaga na seleção brasileira do técnico Tite e disputar a Copa do Mundo de 2018, na Rússia.

O que era uma sondagem em janeiro, tornou-se proposta agora. No final do mês de junho, ou seja, na semana passada, o Besiktas fez proposta oficial por Dudu.

Publicidade

Segundo o jornalista Jorge Nicola, o valor foi de 10 milhões de euros ( R$ 37,7 milhões ). O Palmeiras comprou 100% do atleta direto do Dínamo de Kiev por 6 milhões de euros. Seria um bom negócio, mas o lucro foi considerado baixo.

Para deixar o Palmeiras, Dudu pediu uma compensação financeira e um salário altíssimo justamente para não concordarem e desistirem da ideia. Mas, os turcos aceitam conversar. Uma nova proposta deve chegar até no máximo sexta-feira (7). Eles querem levar Dudu ainda nessa janela.

Internamente, a diretoria não se preocupa muito com essa possibilidade. Mattos sabe que Dudu quer ficar e o Palmeiras fará toda a manutenção necessária. Cuca também já foi avisado que se algum jogador sair, será por uma enorme compensação financeira. O Verdão segue na estratégia de fazer contratos com multas rescisórias enormes, impedindo que atletas deixem o clube por qualquer valor.