O Palmeiras venceu o Grêmio por 1 a 0 no Pacaembu pela décima primeira rodada do Campeonato Brasileiro. O gol foi contra. Raphael Veiga saiu pela lateral e cruzou. Machado desviou na bola e mandou para as próprias redes.

O Verdão teve algumas outras oportunidades, mas ambas as equipes estavam com time alternativo. O time gaúcho, inclusive, estava mais desfalcado ainda. Os três pontos colocaram o Alviverde na terceira posição do Brasileiro e com a quarta vitória consecutiva.

Após o apito final, o #Palmeiras voltou as suas atenções para a Copa Libertadores. Na quarta-feira, o Verdão encara o Barcelona-EQU fora de casa. Cuca pode ter o desfalque de Alejandro Guerra, um dos principais nomes da equipe no ano.

Publicidade
Publicidade

O treinador terá que repensar o meio-campo e terá pouco tempo para tal atitude.

Reforço no Barça e alegria nossa!

Uma notícia divulgada pelo jornal 'Tuttosport', na Itália, trouxe alegria ao Palmeiras e especialmente para Maurício Galiotte, presidente do clube. Os espanhóis estão com proposta pronta para a Juventus. O clube catalão quer o zagueiro Leonardo Bonucci para a temporada. Os valores não foram divulgados.

Bonucci é uma alternativa viável para substituir Samuel Umtiti, que não deu certo. Com desempenho baixo, Umtiti não tem agradado o técnico Luiz Henrique.

O que isso tem a ver com o Palmeiras? Se a negociação acontecer e for confirmada, zagueiro Yerry Mina terá mais tempo de permanência no clube paulista. Galiotte viajou para a Espanha exclusivamente para conversar com dirigentes do Barcelona.

Publicidade

O diálogo foi confirmado pelo presidente e a intenção era negociar a permanência do colombiano para até depois da Copa do Mundo de 2018, que será realizada na Rússia.

A intenção do Barcelona em buscar outro zagueiro já agrada a diretoria do Palmeiras, que entende que a busca por Mina deu uma esfriada. Se Bonucci chegar e for bem, Mina continua mais tempo no Brasil.

Atacante também?!

Além da manutenção de Mina, o Palmeiras quer um novo reforço. Richarlisson, do Fluminense, e Diego Souza, do Sport, não deram certo. As negociações não avançaram e o Alviverde teve que lidar com o fracasso. Os valores foram altos, mas ambos os jogadores preferiram ficar em seus clubes.

Alexandre Mattos, executivo de #Futebol, se reuniu com Cuca no sábado de manhã e já tem mais dois nomes 'na manga'. Ambos não foram divulgados. O executivo vai entrar em contato com os clubes essa semana e já iniciar a conversa. #Mercado