O torcedor do #Vasco tem uma boa e uma má notícia. O Vasco da Gama oficializou a venda de Douglas para o Manchester City, da Inglaterra. O jogador não faz mais parte do clube e é mais um reforço para o time de Guardiola.

O atleta já vinha sendo monitorado pelo clube inglês fazia um bom tempo, mas uma investida europeia só era esperada para a próxima temporada, surpreendendo a todos a saída do atleta. De acordo com informações do site Globo Esporte, os valores que serão pagos ao Vasco pelo jogador chegam a R$ 49 milhões.

O atleta não viajou com o restante do elenco para Salvador, onde equipe enfrenta o Vitória pela 13ª rodada do Campeonato Brasileiro.

Publicidade
Publicidade

A publicação ainda afirma que ele pode ser emprestado ao #Futebol espanhol para ganhar experiência, aumentando assim a possibilidade de virar titular quando for atuar na Inglaterra.

O Vasco venceu recentemente o Atlético-GO em São Januário. Um olheiro do City acompanhou a partida para observar um dos principais jogadores do esquema tático do técnico Milton Mendes.

A sua última partida com a camisa do Vasco foi diante do Coritiba, quando a sua equipe acabou empatando por 1 a 1. No jogo contra o Flamengo, no sábado passado (8), fez muita falta, já que levou o terceiro cartão amarelo e desfalcou equipe.

Douglas começou a se destacar na temporada passada na disputa da Série B. Nesse ano, o jogador de 19 anos se consolidou no time titular e virou um dos principais jogadores da equipe. Fazendo ótimas atuações e sendo lembrado para as seleções de base, o atleta virou alvo fácil para clubes do continente europeu.

Publicidade

O clube deve ganhar um grande fôlego nas suas contas por conta da venda do jovem jogador. Com R$ 49 milhões podem ser contratados reforços, pôr todas as contas em dias e ainda fazer investimentos na estrutura do clube.

Por conta de confusão da torcida na derrota para o Flamengo, São Januário foi interditado, impedindo assim que o time jogue onde conseguiu 15 dos 16 pontos conquistados nesse Campeonato Brasileiro.

O interesse dos ingleses em Douglas deixa cada vez mais claro a necessidade de usar garotos da base. Geralmente custam muito menos dinheiro do que um atleta veterano e o clube pode ganhar uma boa grana com a venda futura do atleta. Com um momento financeiro complicado, o Gigante da Colina pode usar ainda mais atletas das suas categorias de base, aumentando assim a possibilidade lucro com uma venda para times do futebol europeu e até do Campeonato Brasileiro. #Esportes