De acordo com informações da Agência Estado, o técnico Fábio Carille, comandante do #Corinthians, atual líder isolado e invicto do Campeonato Brasileiro, foi procurado por dois clubes brasileiros e um da China. Os brasileiros que procuraram Carille foram o Atlético Mineiro, antes de o time fechar com Rogério Micale, e Flamengo, que após a negativa, passou a focar no colombiano Reinaldo Rueda.

Até o ano passado, Fábio Carille era considerado apenas um bom auxiliar técnico da era vitoriosa de Tite. Nem mesmo a diretoria do Corinthians confiava muito em seu trabalho, tendo sido ele a última opção do clube para assumir no início do ano.

Publicidade
Publicidade

Porém, após o surpreendente título paulista e um início de Campeonato Brasileiro espetacular, sem nenhuma derrota até o momento e com uma pontuação recorde, o comandante alvinegro passou a chamar a atenção do mercado e começaram a surgir interessados em contar com seu trabalho. No entanto, em ambos os casos, o treinador do Corinthians [VIDEO] foi enfático e nem sequer aceitou abrir negociações com nenhum dos clubes interessados.

Em junho, Fábio Carille se assustou com o interesse de um clube chinês que teria oferecido um salário cinco vezes maior do que o que recebe atualmente no clube da capital paulista. Mesmo assim, o treinador também não permitiu que as negociações avançassem com os chineses, reafirmando o compromisso de ficar no clube do Parque São Jorge.

Segundo o jornal "O Estado de S.

Publicidade

Paulo", uma pessoa ligada ao técnico corintiano confirmou que houveram sondagens e explicou que os interessados não tiveram a oportunidade nem mesmo de fazer uma oferta de trabalho ao treinador. "Quiseram saber a disponibilidade de ele sair do Corinthians, mas já foi cortada a conversa logo de cara. Ele já disse várias vezes que só deixa o Corinthians se for demitido e que está totalmente focado apenas no trabalho", explicou a fonte, que pediu anonimato à publicação.

O Flamengo, por sua vez, após a recusa do comandante corintiano, decidiu focar todas as suas forças no treinador colombiano Reinaldo Rueda, atual campeão da Libertadores e da Recopa Sul-Americana com o Atlético Nacional. O técnico de 60 anos exigiu uma cláusula no contrato que o libere para assumir a Seleção Colombiana em caso de proposta. Ele deve chegar ao Rio de Janeiro neste sábado (12) para assinar seu contrato com o Rubro-Negro até o final de 2018. A expectativa é que ele acompanhe a partida contra o Atlético-MG no domingo. #FutebolBrasileiro #Futebol