Publicidade
Publicidade

Nas últimas semanas, o Palmeiras [VIDEO] teve confrontos do Campeonato Brasileiro e da Copa do Brasil, mas o assunto mais pautado nas entrevistas coletivas era o jogo desta quarta-feira (9), quando o #Palmeiras enfrenta o Barcelona, do Equador, pelo confronto de volta das oitavas de final da Copa #Libertadores da América, no Allianz Parque. Pois bem, o tal dia 9 chegou e a expetativa pela classificação é muito grande.

No primeiro confronto entre as equipes, o Verdão perdeu por 1 a 0 e, diante e seu torcedor, precisa fazer pelo menos dois gols de diferença para se classificar. Vitória por 1 a 0 levará a definição da vaga para as penalidades.

Publicidade

Vale destacar que naquele jogo o time não contou com o meia Guerra, que precisou voltar para o Brasil às pressas em razão de um acidente domestico ocorrido com seu filho e isso, de certa forma, acabou mexendo com o elenco.

Sabendo da importância desse jogo, que pode determinar os rumos do Verdão na atual temporada, e até mesmo na próxima, #Cuca escalou um time totalmente reserva para encarar o Atlético Paranaense no último domingo (6), pelo Campeonato Brasileiro, levando o time principal para Atibaia, no interior de São Paulo, onde foram realizados treinos fechados para a imprensa.

Desde que se enfrentaram no jogo de ida, há mais de um mês, muita coisa mudou no Verdão. A começar pelo goleiro, com Jaílson tomando a vaga de Fernando Prass. Teve ainda a lesão o atacante Willian, no jogo contra o Flamengo, e em seu lugar entrará Deyverson, que fará sua estreia na competição continental.

Publicidade

No entanto, a maior polêmica envolvendo jogadores foi mesmo o afastamento do volante Felipe Melo pelo técnico Cuca. Depois de ter sido suspenso por três jogos, por conta da briga na partida contra o Peñarol, o jogador estaria liberado para retornar exatamente neste duelo, porém ele segue treinando em separado na Academia de Futebol e é assunto proibido nas dependências do clube.

O provável time do Palmeiras que entrará em campo terá Jaílson no gol, Mayke ou Jean na lateral-direita, Mina e Luan fazendo a dupla de zaga, e Egídio na lateral-esquerda. O meio de campo terá Thiago Santos, Bruno Henrique e Guerra ou Keno. Na frente, Roger Guedes, Dudu e Deyverson.

Barcelona

Não sofrer gols em casa é o primeiro passo para o Verdão conseguir a classificação para as quartas de final da Libertadores, mas se depender do retrospecto do Barcelona como visitante, os comandados do técnico Cuca precisarão ter atenção redobrada. O time equatoriano marcou em todas as vezes que jogou fora de casa, tendo conquistado duas vitórias: 2 a 0 contra o Botafogo e 3 a 1 contra o atual campeão Atlético Nacional.

Para este jogo, o time de Guayaquil não poderá contar com Gabriel Marques e Ariel Nahuelpan, que estão entregues ao Departamento Médico.