Em entrevista surpresa nesta terça-feira (1), para TV #Palmeiras, Alexandre Mattos disse que a diretoria decidiu se pronunciar depois do áudio do atleta desta segunda-feira (31), pois entendia que isso, deveria ser apenas um assunto interno do time, como tantos outros. Com cautela o diretor do Palmeiras falou sobre o jogador e suas qualidades, mas afirmou que é necessário manter a ordem e o respeito acima de qualquer profissional.

Segundo o dirigente após o jogo do Mineirão, contra o cruzeiro, o volante agiu de maneira desrespeitosa com o técnico #Cuca e, portanto na sexta-feira (28), conversou com o jogador, gerando uma multa para o mesmo.

Publicidade
Publicidade

Sobre os interesses de outros clubes, Alexandre Mattos reiterou que Felipe Melo pertence ao Palmeiras, e se algum outro clube estiver interessado no jogador, deve entrar em contato com a diretoria, episódio que segundo ele ainda não ocorreu.

Ele declarou que não vai ser “facinho, facinho”, vai ter que ser um acordo que seja bom para o clube e para o atleta. O diretor diz não se arrepender de ter trazido o jogador, e afirma respeitar a história de Felipe Melo que jogou mais de uma década na Europa.

Segundo Alexandre o volante se desculpou com o técnico, com o grupo e com o presidente perante a sua presença, porém a decisão já fora tomada, e ele deve seguir outro caminho. A diretoria tentará da melhor maneira buscar esse novo caminho, junto ao jogador e até ser concretizada essa mudança, o atleta continuará treinando com o time.

Publicidade

A maior preocupação do dirigente é com os torcedores, transmitir para a torcida palmeirense que o clube tem ordem e tem respeito e com ambos tem um bom ambiente de trabalho.

E o time?

O Palmeiras está em quarto colocado no Campeonato Brasileiro com 29 pontos, e enfrentará o Botafogo amanhã, quarta-feira (2), no Nilton Santos. O técnico Cuca [VIDEO] ainda não divulgou a escalação do time, mas é esperado que o treinador poupe alguns jogadores com intuito de preservá-los para o jogo de volta das oitavas-de-final da Libertadores contra o Barcelona de Guayaquil no dia 9 de agosto.

A Libertadores é prioridade do clube, segundo Cuca, e o Palmeiras fará de tudo para avançar para a próxima fase. O primeiro jogo foi fora de casa e o Palmeiras perdeu de 1 x 0, para avançar na competição será necessário ganhar por dois gols de diferença.

O técnico Cuca tinha expressado vontade em viajar com a equipe para treinar no sítio em Atibaia, visto que o Palmeiras sempre obtém bons resultados após o treino no interior ás vésperas de decisões, porém com os últimos acontecimentos ele não voltou mais a comentar o assunto. #felipemelo