A noite desta quarta-feira não foi boa para o Palmeiras [VIDEO]. No Allianz Parque, o Alviverde acabou caindo para o Barcelona-EQU na Copa Libertadores da América e deu adeus à competição. Egídio, lateral muito contestado pela torcida, bateu o pênalti nas alternadas e perdeu.

A eliminação deve trazer grandes prejuízos para o clube. A primeira grande baixa é, sem dúvida, financeira. Sem passar para as quartas, o Verdão não ganha as bonificações da Conmebol e da Crefisa, atual patrocinadora. O prejuízo estimado é de R$ 10 milhões.

Outro problema complicado é fazer a manutenção do elenco e do treinador [VIDEO]. Na coletiva, o técnico Cuca disse que 'não consegue fazer mais' e que 'chegou ao limite'.

Publicidade
Publicidade

Pressionado, Cuca praticamente colocou seu cargo à disposição ao confirmar que 'entende' se for demitido do #Palmeiras.

Alexandre Mattos, executivo de #Futebol, é o profissional palmeirense que tem o trabalho mais contestado após o jogo. Mattos inclusive se envolveu em bate boca com torcedores e não deixou a guarda cair. Uma conversa com o presidente deve resolver seu futuro.

Chapéu no Corinthians

O zagueiro Emerson Santos, cria da base do Botafogo-RJ, não veste mais a camisa do clube carioca. O jogador recebeu proposta do Corinthians, rebateu, e os corintianos ficaram assustados com a pedida. Santos quer pelo menos R$ 1 milhão de luvas e R$ 200 mil mensais.

O Verdão encarou o Botafogo-RJ pelo Brasileiro e Mattos conversou diretamente com o jogador. Sabendo do interesse do alvinegro paulista, o Palmeiras confirmou que cobre a proposta e que deseja contar com seus serviços.

Publicidade

A dúvida que está em jogo é quando ele deve se apresentar. O Palmeiras quer que ele se apresente em janeiro de 2018, mas ficará sem jogar até lá. Assuntos ainda estão sendo discutidos.

Na negociação, o Corinthians também propôs alguns atletas na troca, mas nenhum nome agradou a diretoria do Botafogo-RJ. Internamente, os cariocas estão revoltados com o jogador a atitude de querer deixar o clube para ganhar mais.

E agora?

Sem a Libertadores, o Palmeiras volta as suas atenções ao Campeonato Brasileiro. Cuca disse que quer tentar classificar para a próxima edição do torneio continental, já admitindo que disputar o título será bastante difícil e improvável. O líder, que é o Corinthians, está 15 pontos na frente do Alviverde e não oscila negativamente na competição.

No final de semana, no Rio, o Palmeiras enfrenta o Vasco. #Mercado da bola