Publicidade
Publicidade

O Palmeiras tem confronto importante hoje contra o Botafogo-RJ no Engenhão. O duelo é válido pela décima oitava rodada do Campeonato Brasileiro e pode mostrar um panorama diferente do que estamos vendo atualmente.

Com 29 pontos e sem perder há cinco rodadas, o time do técnico Cuca, se vencer, pode passar o Santos na tabela se classificação. O rival tem 31 pontos e vai encarar o Flamengo, hoje, no Pacaembu. O Grêmio, vice líder, tem 33 pontos e joga contra o Atlético-GO fora de casa. O líder Corinthians, que tem 41 pontos, encara o Atlético-MG no Mineirão.

Uma vitória nesta quarta deixa o clube vivo na competição nacional e na luta pelo bicampeonato.

Publicidade

No meio do #Futebol muitos acreditam que o Corinthians não vai conseguir sustentar a pegada de vitórias por muito tempo. O Alvinegro de Itaquera tem incrível aproveitamento: 80,4%. Foram 17 jogos, 12 vitórias e cinco empates, ainda sem nenhuma derrota.

Além da possibilidade de evoluir no Brasileiro, o #Palmeiras se prepara para o grande confronto e desafio do ano: enfrentar o Barcelona-EQU no Allianz Parque. Em Guayaquil, o Verdão acabou sucumbindo e perdeu por 1 a 0 com gol no final da partida, após tentar segurar e levar o empate de 0 a 0 até o final. Cuca está pensando ainda em como armar a equipe e já tem uma boa ideia de como fazer, faltando apenas ajeitar e encaixar algumas peças. A principal dúvida é sobre o ataque: Borja ou Deyverson? Quem joga?

Pulou o muro

Na semana passada, o Palmeiras confirmou a demissão do coordenador científico Altamiro Bottino.

Publicidade

Bottino foi acusado de vazar informações internas para jornalistas do muro para fora. Ele era responsável por fazer uma severa prevenção de lesões de atletas e melhorar o processo de retorno das contusões. O Palmeiras era vítima dessas situações e conseguiu amenizar com a chegada do profissional.

Em tese, o Departamento Científico continua, mas sem Altamiro. O profissional foi confirmado como novo reforço da comissão técnica do São Paulo Futebol Clube. Dizem nos bastidores que o tricolor já estava de olho e que alguns contatos já tinham sido feitos, mas Altamiro preferiu cumprir seu contrato com o Alviverde até ser demitido.

E Felipe Melo?

O volante não defende mais o Palmeiras. Quem confirmou a saída definitiva foi Alexandre Mattos, executivo de futebol do clube. Depois de vazar áudio ofendendo o técnico Cuca, a diretoria decidiu que Melo não tem nenhuma condição de reintegrar o elenco. Ele deve ser negociado com alguma equipe da Série A. #Mercado da bola