Após reunião na noite deste domingo da cúpula do futebol rubro-negro na residência do presidente Eduardo Bandeira de Melo, a diretoria do #Flamengo optou pela não permanência de Zé Ricardo como treinador do clube.

Segue a breve nota oficial publicada no site, confirmando a #Demissão:

"O Clube de Regatas do Flamengo comunica que Zé Ricardo não é mais treinador da equipe profissional. O auxiliar técnico Cleber dos Santos também foi desligado do clube.

O Flamengo agradece os serviços prestados e deseja sucesso aos profissionais em suas carreiras".

O presidente do clube, Eduardo Bandeira de Mello dava total respaldo ao trabalho do treinador, pois acreditava que com o tempo o time voltaria a ter bom desempenho e a pressão da torcida diminuiria, por outro lado, torcedores e vice-presidentes pediam a sua saída.

Publicidade
Publicidade

Zé Ricardo foi efetivado em 26 de maio de 2016, ficando assim por 432 dias à frente do clube. Com aproveitamento de 62,2% e apenas um título conquistado (carioca). Além do treinador, o auxiliar também deixa o cargo.

Desestabilizado desde a eliminação na fase de grupos da Libertadores, o treinador foi mantido no cargo, mas a pressão aumentou, devido aos resultados não muito satisfatórios da equipe liderada pelo mesmo.

Uma intensa pressão por parte da torcida, certamente contribuiu para a decisão final. No jogo desta manhã de domingo, a equipe não consegui vencer, mesmo jogando em casa. Após essa derrota por 2 a 0 para o Vitória, o treinador deixou o estádio sob vaias e pedidos de “fora Zé Ricardo”.

Após o jogo, Zé Ricardo em entrevista coletiva deu a entender que permaneceria no cargo "Dentro das atuações com consistência, hoje saímos do controle.

Publicidade

Precisamos olhar para frente e trabalhar. O jogo foi bom. Temos muito a melhorar", comentou ainda sobre as vaias recebidas e se esquivou de algumas perguntas feitas pelos repórteres.

A assessoria de imprensa do Flamengo [VIDEO] acaba de confirmar que Jayme de Almeida comandará o Flamengo na partida contra o Palestino, na Sul-Americana, na noite da próxima quarta feira.

Jaime de Almeida já esteve à frente do Flamengo. Em setembro de 2013, após o pedido de demissão de Mano Menezes, assumiu o cargo efetivo. Teve bons momentos no comando da equipe, conquistando a Copa do Brasil de 2013 e o Carioca da temporada seguinte.

Jaime terá agora mais uma oportunidade de liderar a equipe, mesmo que temporariamente. Ocupa atualmente o cargo de auxiliar técnico no flamengo. #ZéRicardo