Até o jogo contra o Bahia, o #Vasco da Gama tinha a terceira pior defesa do Brasileirão e caminhando a passos largos para ter a pior defesa. Mas, com a chegada de #Anderson Martins e a mudança de treinador, o sistema defensivo vascaíno vem mudando de estilo e crescendo de produção. Após a goleada sofrida diante do Bahia, o Vasco não sabe mais o que é tomar gols.

Foram dois jogos complicados. Um foi o clássico contra o Fluminense, fora de casa, onde o Cruz-Maltino se saiu melhor e venceu o jogo por 1 a 0. A outra partida foi contra o vice-líder do Brasileirão, com uma vitória vascaína também por 1 a 0, fazendo com que a defesa mostrasse muito mais confiança do que era visto nas últimas partidas.

Publicidade
Publicidade

Uma das grandes explicações é a chegada de Anderson Martins. O defensor estava no #Futebol árabe e houve uma longa novela pela sua contratação, mas tudo se saiu bem e ele vem fazendo com que a defesa suba de nível.

Os números antes da sua chegada eram péssimos: com uns incríveis 1,55 gols sofridos em média por jogo, o Vasco foi caindo de produção e ficou na beira da zona de rebaixamento. Após Anderson chegar, esse número está muito melhor, com uma média de 1 gol sofrido apenas por jogo. Esses números eram para ser melhores, mas no seu primeiro jogo, que foi justamente contra o Bahia [VIDEO], o time era comandado por Milton Mendes e o Cruz-Maltino levou três gols.

Agora o time se apresenta com bons nomes no setor defensivo, como Rafael Marques, Paulão e Breno como principais opções para trabalhar ao lado de Anderson nesse restante de temporada.

Publicidade

O próximo confronto, onde a zaga precisará mostrar ainda mais força, é contra o Corinthians. O líder do campeonato não vive um bom momento, mas ainda tem um dos melhores sistemas ofensivos e por conta disso é preciso ter muito cuidado.

A boa notícia é que Zé Ricardo teve o seu trabalho reconhecido no Flamengo como um excelente montador de defesas. O técnico sofreu poucos gols quando treinava o rubro-negro e essa também é uma esperança vascaína para a temporada.

Com a proximidade da zona [VIDEO]de classificação para a Libertadores, os torcedores estão cada vez mais animados. Um fato positivo para o Cruz-Maltino é que outros times que estão diretamente na briga pela vaga na Libertadores, como Cruzeiro, Flamengo e Botafogo, estão focados nessa disputa e na Copa do Brasil, obrigando a deixar o Brasileirão em segundo plano e abrindo a possibilidade para uma arrancada vascaína rumo às primeiras posições.