Publicidade
Publicidade

O Palmeiras [VIDEO] vai encarar o Santos, no próximo sábado, pelo Campeonato Brasileiro. Faltando apenas treze rodadas para o fim da competição e com 39 pontos em disputa, a diretoria, comissão técnica e boa parte da torcida ainda acredita que o clube pode alcançar o rival Corinthians, que vem em declínio.

Eliminado da Copa Sulamericana, o rival empatou com o São Paulo no Morumbi, enquanto o Verdão bateu o Fluminense fora de casa. Longe dos holofotes, o Alviverde diminuiu em dois pontos a distância e, internamente, o diálogo foi ainda mais positivo.

O Alviverde tem o clássico de sábado como um verdadeiro divisor de águas.

Publicidade

Se vencer e o Corinthians perder seu compromisso, a esperança e a confiança deve aumentar ainda mais. O técnico Cuca já tem em mente como deve fazer as preleções para motivar ainda mais os atletas para a grande virada.

Planejamento contínuo

Em 2016, o #Palmeiras se planejou para tentar ganhar a Libertadores neste ano. O pênalti perdido por Egídio contra o Barcelona [VIDEO] do Equador fez o clube repensar o ano seguinte. Como será 2018? A diretoria já sabe.

A ideia é fazer algumas contratações cirúrgicas e principalmente manter Cuca no cargo de técnico. A continuidade do treinador está praticamente assegurada, e o Palmeiras espera que nenhum clube chinês faça proposta de fato.

Em janeiro, Moisés se machucou e só voltou há cerca de um mês. O time sentiu a ausência do meia, e é justamente isso que a diretoria não quer.

Publicidade

Peças de reposição precisam estar à postos para entrar e fazer a qualidade cair o menos possível.

Pensando nisso, Alexandre Mattos, executivo de #Futebol, está atrás de um novo goleiro. Fernando Prass, aos 39 anos, deve renovar por mais doze meses. A lesão no cotovelo que o tirou das Olimpíadas no Rio e a má fase recente ainda deixam Mattos receoso com o futuro do goleiro. Jaílson, atual titular, teve lesão na virilha e um médico americano também foi consultado por conta da raridade da situação. Perto de voltar, a recuperação ainda é uma incógnita.

Com dois bons goleiros na atualidade, o objetivo do clube é ter mais um visando o futuro, quando algum deles se machucar ou for negociado. Ou, até mesmo, no caso de Prass, se aposentar. Mattos recebeu a indicação do goleiro Weverton, do Atlético Paranaense. Oferecido, o defensor aceita ser o terceiro reserva, desde que os vencimentos mensais compensem. O Palmeiras estuda uma proposta um pouco melhor para tentar segurar o jogador para o futuro. #Mercao