Publicidade
Publicidade

Depois do Corinthians [VIDEO], outro campeão de Liga Futsal caiu diante de uma adversário paranaense em casa, na tarde deste domingo (29), quando jogando no ginásio Sério Luiz Guerra, o Carlos Barbosa foi surpreendido pelo Foz #Futsal, que abriu surpreendente vantagem no primeiro tempo, segurou a pressão do time laranja na etapa complementar, para vencer por 7 a 4 e se classificar para as semifinais, onde pegará o Joinville, que mais cedo eliminou os também gaúchos do Atlântico Erechim.

No primeiro, jogo os times haviam empatado em 1 a 1 e por isso o Foz sabia que precisaria vencer ou no tempo normal ou na prorrogação, caso houvesse uma nova igualdade.

Publicidade

Sabendo disso, o time paranaense não quis saber de conversa e, mesmo levando um susto no primeiro lance, abriu incríveis 3 a 0 antes dos dez minutos de jogo,

O primeiro gol saiu aos 3 minutos e meio após cobrança de falta ensaiada, que Canabarro mandou para as redes. Aos 6’40, Júlio perdeu a bola para Vini, que armou rápido contra-ataque e serviu Leanderson, que chegou batendo cruzando para dobrar a vantagem dos paranaenses. O terceiro gol foi uma mistura de oportunismo e azar do goleiro Léo Oliveira. Após a reposição do goleiro Jean Wolverine, Daniel Feitosa percebeu o goleiro adversário adiantado e bateu por cobertura de da entrada de sua própria área. A bola viajou toda a quadra até explodir no travessão. Na volta ela pegou na cabeça do goleiro e entrou; 3 a 0.

O que já estava bom ficou ainda melhor aos 18’30, quando após cobrança de escanteio, Elenilson recebeu na marca do pênalti e chutou forte para fazer 4 a 0.

Publicidade

O Carlos Barbosa tentou ainda ensaiar uma reação nos instantes finais da primeira etapa com João Salla descontando em cobrança de tiro livre direto, porém no começo da etapa complementar o Foz voltou a marcar com Canabarro, que pegou a sobra para bater firme da entrada da área. Na comemoração, o jogador foi para a torcida. Pela atitude ele recebeu cartão amarelo, como era o segundo, ele foi expulso, deixando os paranaenses com um jogador a menos.

O Carlos Barbosa aproveitou a vantagem de um homem a mais para descontar aos 22’30, com Kevin cobrando penalidade. Aos 31’20, o Carlos Barbosa chegou ao terceiro em outro lance de bola parada, agora com João Salla cobrando mais um tiro livre direto. Os gaúchos tentavam de todas as formas encostar no marcador, mas a reação foi esfriada quando restavam três minutos para o fim com um chute de longe de Léo Costa, que ainda contou com um desvio no meio do caminho.

Usando goleiro-linha, o Carlos Barbosa ainda fez mais um – o primeiro com bola rolando – quando Di Maria completou cruzamento do João Sala. Mas quem marcou o último gol da partida foi o Foz. Léo Costa tomou a bola de Rafa e aproveitou o gol vazio para fechar o placar em 7 a 2 e definir a classificação do time paranaense logo em sua primeira participação na Liga. #LigaFutsal #ACBF