Publicidade
Publicidade

Reforço para o Verdão? Após ter sido assunto por usar uma camisa do #Palmeiras por baixo de seu uniforme do Brasil, o craque #Neymar admitiu, neste domingo, que gostaria de defender o clube alviverde no futuro.

"Ninguém sabe o dia de amanhã, mas seria um grande prazer (defender o Palmeiras)", afirmou à TV Palmeiras.

Revelado pelo Santos, o jogador do Paris Saint-Germain usou a camisa alviverde de forma disfarçada na casa de outro rival do clube, o São Paulo [VIDEO]. Na sexta-feira, a #Seleção Brasileira realizou uma atividade no CT do Tricolor, já neste domingo a delegação teve como sede a Academia do Palmeiras.

A camisa usada pelo craque da Seleção Brasileira foi um presente da jornalista e filha do técnico Cuca, Maiara Stival, que o encontrou para uma entrevista no CT do São Paulo na sexta-feira.

Publicidade

Em outras ocasiões, o atleta já havia admitido que quando criança torceu para o time alviverde.

Antes da atividade deste domingo, Neymar demonstrou seu carinho pelo Alviverde também ao postar uma foto de um dos maiores nomes da história do clube em sua 'stories' no Instagram. Com a legenda "ídolo" Neymar compartilhou uma imagem na qual o ex-goleiro Marcos está ajoelhado com as mãos levantadas para o céu em comemoração a uma defesa.

Em junho, inclusive, o atacante arrematou um camarote de Marcos do Allianz Parque em um leilão beneficente.

Visando o confronto diante do Chile, pelas Eliminatórias para a Copa do Mundo 2018, a Seleção Brasileira treinou neste domingo no Centro de Treinamento do Palmeiras. Assim, Neymar pôde aproveitar a oportunidade para conhecer a estrutura do clube que torcia quando era criança.

Publicidade

"Eu era palmeirense, não tenho muita história de torcedor porque eu era muito pequeno. Meus ídolos eram o Evair, Marcos, Alex. São os caras em que eu me espelhava", disse.

"A estrutura está excelente, fico feliz de treinar aqui pela primeira vez", exaltou ainda.

Brasil e Chile irão se enfrentar nesta terça-feira, às 20h30, no Allianz Parque. No dia anterior ao jogo, a delegação brasileira irá fazer o reconhecimento do gramado. O confronto será válido pela última rodada das Eliminatórias para a Copa do Mundo 2018, na Rússia.

Em seu último jogo da competição, o Brasil empatou sem gols com a Bolívia. No entanto a Seleção de Tite já tem sua vaga assegurada com tranquilidade e lidera a tabela com 38 pontos, 10 pontos a mais que o segundo colocado Uruguai. Em terceiro lugar está o Chile e em quarto vem a Colômbia, ambos com 26 pontos. Em quinto, o Peru tem 25 pontos.