A penúltima rodada das #Eliminatórias Sul-Americanas para a Copa [VIDEO] do Mundo a Rússia, disputada nesta quinta-feira (5), não serviu para classificar nenhuma seleção. E pior, só colocou mais dramaticidade ainda na disputa das últimas três vagas direitas – o Brasil é o único classificado, e com sobras -, além de uma vaga na repescagem, contra a Nova Zelândia.

Teve um pouco de tudo na rodada: goleiro pegando até pensamento no jogo do Brasil, o Uruguai adiando sua classificação, a Colômbia deixando escapar sua vaga entre os dedos e, claro, o drama da Argentina, que no momento está fora da zona de classificação e tentará a sorte na altitude de Quito, contra o Equador, que já está fora a disputa.

Publicidade
Publicidade

Abaixo, veja o que cada seleção precisa para se classificar para o mundial

Uruguai – 28 pontos / saldo 10

Na pior das hipóteses já está na repescagem. Não que isso seja um fato a se comemorar, uma vez que o time ficou fora da Copa de 2006 no duelo contra uma seleção da Oceania, no caso a Austrália. Vitória ou empate, em casa, contra a eliminada Bolívia classifica o time celeste. Em caso de derrota, ira à Copa caso Peru ou Argentina não vençam e ainda tirem a diferença no saldo de gols.

Chile – 26 pontos / saldo 2

O Chile depende de uma vitória simples contra o Brasil, em São Paulo, para ir diretamente para a Copa. Se empatar, terá que torcer para que a Argentina não bata o Equador e que o Paraguai não goleie a Bolívia por mais de sete gols de diferença.

Se um desses resultados acontecer e o time não quiser ir para a repescagem, terá que torcer para que o jogo entre Peru e Colômbia também termine sem vencedor.

Publicidade

Em caso de derrota por um gol de diferença, terá que torcer contra Argentina e Paraguai e ainda para que haja um vencedor no duelo Peru e Colômbia.

Colômbia – 26 pontos / saldo 2

Depois de sofrer a virada nos minutos finais, em casa, contra o Paraguai, a Colômbia agora depende de uma vitória, em Lima, contra o embalado Peru. Se empatar, existem três possibilidades dos colombianos de irem ao menos para a repescagem: derrota do Chile Para o Brasil, ou que o Paraguai não vença a Venezuela por diferença superior a sete gols, ou ainda que a Argentina não derrote o Equador.

Se perder e quiser continuar vivo na disputa, terá que torcer para que o Chile perca para o Brasil por diferença de gols maior e que Argentina ou Paraguai não saiam vitoriosos de seus jogos.

Peru – 25 pontos / saldo 1

O embalado Peru precisa de uma simples vitória contra a Colômbia diante de seu torcedor. Se empatar, poderá até mesmo ir diretamente para a Copa, mas, para isso, dependerá de derrota do Chile para o Brasil por pelo menos dois gols de diferença e que Argentina e Paraguai não vençam.

Publicidade

Se um desses três resultados não ocorrer, ao menos a vaga na repescagem estará garantida. Se perder, ai terá que torcer por derrotas de Argentina e pelo menos um empate do Paraguai para ficar com a quinta colocação e decidir sua sorte contra a Nova Zelândia.

Argentina – 25 pontos / saldo 1

Uma vitória, em Quito, contra o já eliminado Equador acaba com o drama argentino e classifica a equipe. Se empatar, terá que torcer para que haja um vencedor no jogo Chile e Colômbia e ainda torcer por derrota chilena para o Brasil por pelo menos dois gols de diferença e ainda para que o Paraguai não derrote a Venezuela.

Caso apenas duas dessas três combinações ocorram, garante ao menos vaga na repescagem, Se perder, terá que torcer para o Paraguai não vencer a Venezuela e ainda dependerá de uma vitória colombiana sobre o Peru.

Paraguai - 24 pontos / saldo -5

Só a vitória interessa, mas apenas isso não é suficiente. Além de precisar vencer a Venezuela – de preferência de goleada –, ainda terá que terá torcer contra Argentina ou Chile. #Copa 2018 #PaixãoPorFutebol