Publicidade
Publicidade

De acordo com o jornalista Duncan Castles, da Yahoo! Sports, #Neymar quer mais poder no #PSG. Supostamente, o astro brasileiro está exigindo "ser capaz de decidir que jogos ele pode ou não jogar". Neymar deseja, dessa forma, fazer sua gestão na temporada e escolher quando vai a jogo [VIDEO] e quando fica descansando. Sempre de acordo com a mesma fonte, o craque chamou a si essa autonomia, mas o treinador Unai Emery não estaria disposto a concedê-la, o que poderia levar a outro debate e uma nova briga como a que gerou o 'penaltygate'. Dessa vez, Neymar ganhou em detrimento de Cavani, como se pode ver no jogo desse final de semana, com o brasileiro batendo o pênalti contra o Mônaco.

Publicidade

Uma fonte do clube teria explicado para o Yahoo! Sports que "Neymar está muito irritado com Emery, por causa de seu estilo de jogo e ainda sobre o papel de Cavani, e agora quer ser ele a decidir quando entrar em ação e quando não". Desde o início que Neymar levantou algumas dúvidas sobre Emery, que ele acredita não ser bom treinador para liderar uma equipe de estrelas como é agora o PSG. Também com o uruguaio Cavani, as coisas nunca foram fáceis e apesar de estar tudo melhor, eles não são propriamente amigos.

As exigências de Neymar

De recordar que, desde sua chegada ao PSG, Neymar já solicitou, de acordo com relatos da mídia, várias extravagâncias para o PSG. Ele tem dois fisioterapeutas pessoais, para evitar lesões, e também pelo mesmo motivo, ele exige não receber entradas mais duras de seus colegas, nos treinamentos.

Publicidade

O caso mais polêmico foi o 'Penaltygate', quando ele exigiu bater os pênaltis do time. O caso foi polêmico, mas a verdade é que agora é ele quem marca as faltas, deixando Cavani para trás.

Neymar leva 4 meses na Ligue 1 e seus números são notáveis, com 14 gols e 8 assistências em seus primeiros 15 jogos. No entanto, ele quer ser ainda mais decisivo, para poder superar Messi e Cristiano Ronaldo e ser ele o melhor jogador do mundo. O jogador não concorda nada com a ideia de Emery, que falou que ele ainda estava se adaptando em um novo clube, país e campeonato. "Os jogadores são profissionais, mas também são pessoas. Alguns precisam de carinho e outros, orientação. Mas primeiro você precisa ser entendido", disse Unay Emery sobre Neymar.

Brasileiro quer gerir seus esforços

No entanto, o jogador começou brilhando assim que chegou no time e quer prolongar seu bom momento de forma por toda a temporada. Neymar sabe que o campeonato está bem encaminhado, mas que ele precisa ir longe na Champions para ter chances contra os colossos espanhóis, uma vez que a liga francesa [VIDEO]não é tão conhecida quanto outras. Para ele, uma boa gestão de seus esforços vai ser decisiva mais para o final da época.

Por enquanto, é o técnico que vai decidindo as chamadas e as rotações. Resta agora saber como Neymar vai aceitar isso, ou se vai mesmo ganhar mais essa briga, agora contra Emery. #Futebol