Publicidade
Publicidade

O Palmeiras enfrenta mais uma vez um grande jogo no ano. Depois de cair na Copa do Brasil [VIDEO] e na Copa Libertadores da América, ambas competições priorizadas, chegou a hora de ver se o Verdão realmente entrará na disputa pelo décimo título Brasileiro de sua história.

Após ver o Corinthians, líder da competição, perder para a Ponte Preta por 1 a 0, o Verdão teve a chance de diminuir a distância para apenas três. Mas no Allianz Parque, contra o Cruzeiro, o time do técnico Alberto Valentim não saiu do empate e perdeu a chance de assumir a liderança se vencer o clássico. Internamente a diminuição da diferença para apenas um ponto foi comemorada, mas foi tratada como um resultado ruim.

Publicidade

No domingo, o Palmeiras tem chance de diminuir ainda mais a distância para o Corinthians jogando contra o próprio rival alvinegro em Itaquera. A distância que era de 17 pontos já caiu para cinco, e a empolgação interna já é eminente.

A vitória deixa o Palmeiras muito vivo na competição. Mas uma derrota deixa o Corinthians muito perto de conquistar o título mesmo com todos os pesares dos últimos resultados. Quem vencerá?

Troca com o Santos

Assim que o site oficial do Palmeiras confirmou a demissão do técnico Cuca, a comissão técnica resolveu afastar o atacante Roger Guedes por questões comportamentais. Detalhes não foram divulgados, mas especula-se que Guedes não se da bem com boa parte dos atletas e que a 'marra' do jovem atleta influenciou.

Contra o Cruzeiro, no empate em 2 a 2, Valentim colocou Guedes na segunda etapa e não gostou do que viu.

Publicidade

A torcida do Palmeiras pegou bastante no pé do jogador nas redes sociais.

Pensando nisso, Valentim não quer aproveitar o jogador em 2018. Se for efetivado, Guedes não deve jogar no Verdão. Ao mesmo tempo, o Palmeiras pensou em uma troca com o Santos. O rival da praia passa por momento parecido e viu o lateral-esquerdo Zeca pedir rescisão contratual na Justiça. Sem clima, o atleta não defende mais a camisa do Santos em 2017.

Considerado um dos grandes nomes do elenco santista, Zeca pode aparecer no Palmeiras. O presidente do Santos, Modesto Roma, garantiu que não existem conversas para concluir a troca. O relacionamento entre as diretorias de Santos e Palmeiras é muito bom e por isso não existem mentiras e traições. No entanto, Maurício Galiotte, presidente Alviverde, acredita que uma simples conversa pode fazer Roma bater o martelo.

Assim que o Brasileiro terminar, um bate papo acontecerá para acertar o negócio. Diretores palmeirenses estão confiantes no acerto. #Futebol #Brasileirão #Mercado da bola