É indiscutível que grande parte dos praticantes de alguma atividade física busca nesta prática a manutenção e otimização da saúde. Está claro que o exercício moderado proporciona benefícios para todos os sistemas fisiológicos, melhorando a saúde e ainda promovendo a autoestima, pois aumenta a força e resistência geral e muscular localizada, que termina por melhorar a aptidão física para realização de tarefas simples do cotidiano, como:

  • carregar uma sacola de feira, quitanda ou supermercado;
  • conduzir com conforto uma criança de colo;
  •  ajudar um colega com o carro sem gasolina;
  • dar um pique para pegar um ônibus, etc.

Com uma melhor aptidão física, o praticante de exercícios também pode obter maior qualidade no desempenho de uma modalidade esportiva ou recreativa preferida:

  • aquele jogo de futebol no fim de semana;
  • aquela partidinha de vôlei ou handebol no parque;
  • o basquete, street ball, jogo de vinte e um ou relógio no churrasco do clube;
  • biribol na piscina;
  • frescobol ou peteca na praia, etc.

Os exercícios físicos estimulam o aumento do tônus muscular, melhorando a aparência e função.

Publicidade
Publicidade

Para que os benefícios descritos acima, bem como outros inúmeros bons resultados da prática de atividades físicas sejam adquiridos, é necessário que os exercícios sejam praticados de modo sistemático, com uma frequência de, pelo menos, 2 vezes por semana. Os exercícios físicos apenas podem ser considerados como uma sessão de treinamento após 4 semanas de prática, com variações pré-determinadas de volume, intensidade e frequência, observando-se os valores na relação destas três variáveis.

Porém, nunca se esqueça de consultar um médico antes da prática de qualquer exercício.