Nos últimos anos, com o crescimento das redes sociais e com as inúmeras opções de negócio advindas da mesma, é cada vez maior o número de pessoas que utilizam os chamados brechós virtuais para realizar seus negócios comprando, vendendo e até mesmo trocando seus produtos por outros, que sejam de interesse. Desde produtos para a casa, passando por cosméticos, vestuário, móveis, tecnologia e até mesmo animais, hoje quase tudo é vendável - e rentável.

Muitas pessoas estão realmente fazendo sua renda principal através de negociações feitas pela internet. É o caso de pessoas que já trabalham numa área especifica, como cabeleireiros e maquiadores, que oferecem não só seus serviços, como aproveitam o espaço para vender os produtos que utilizam em seus salões.

Publicidade
Publicidade

Ou aquele vendedor de automóveis que aproveita para oferecer um serviço de pintura, lanternagem, personalização de peças, enfim, o negócio é imprimir a sua marca e fazer um bom marketing, enquanto se diverte, na tranquilidade do lar, na hora que puder e escolher.

Então, você pode desenvolver esse trabalho com finalidade comercial, objetivando divulgar sua marca, produto ou serviço, de forma profissional, ou somente participar dos famosos brechós online. Há para todos os gostos e bolsos: roupas e sapatos de lojas de departamento, novos - ou nem tanto - com um precinho bem acessível, como também há os brechós de grife, com marcas famosas e roupas, bolsas, sapatos e acessórios em geral, com preços convidativos.

Adquirir uma bolsa Chanel, usada, por R$800,00 não é nada mau, assim como comprar uma bolsa popular por R$30,00...

Publicidade

Ou mais, trocar uma bolsa Chanel por várias peças que outra pessoa tenha, como 3 pares de sapato, ou um vestido e uma bolsa, enfim, acaba sendo divertido e vantajoso para ambas as partes.

E aí, você se interessou e lembrou que seu guarda-roupa está cheio de coisas que não são usadas há muito tempo, e mais, precisa fazer um dinheirinho?

Veja estas dicas simples:

  • Organize todos os produtos que você quer vender ou trocar. Faça uma avaliação honesta, não vá tentar vender roupas totalmente cafonas ou velhas, rasgadas. Bom senso, por favor! Fotografe as peças deixando todos os detalhes à mostra. Coloque preço em todas as peças, mas esteja aberto à negociações, sempre aparecem boas oportunidades.
  • Seja gentil, cordial e solícito com seus clientes e, obviamente, divulgue muito e em todos canais que tenham a ver com os seus produtos.
  • Não vá anunciar um imóvel num grupo, ou site, que vende roupa para festas. Seja objetivo.

No mais, é ficar conectado e sair fazendo ótimos negócios, principalmente nesta época, final de ano é o momento perfeito para vender muito.

Boas compras, boas vendas e ótimas trocas com os brechós online! #Moda