No próximo domingo, dia 25 de janeiro, acontecerá, na Flórida, Estados Unidos, a 63º edição do concurso de Miss Universo, competição que elege a mulher mais bonita do mundo. A TV aberta transmitirá o evento, pela Band, às 23 horas, com apresentação de Luiz Bacci e Renata Fan, e, por assinatura, no canal TNT.

Mais de 200 países acompanharão a transmissão do evento, que, nesta edição, tem como representante brasileira a modelo e estudante Melissa Gurgel, 20 anos.

Melissa e as outras 87 candidatas estão, desde o início do mês, passando por inúmeros testes fotográficos, repetindo ensaios e aprimorando suas habilidades, que são apresentadas e testadas durante o evento, contando inclusive para a pontuação das misses e, obvio, dando os últimos retoques (se é que é necessário) na #Beleza, naturalmente deslumbrante.

Publicidade
Publicidade

A vencedora do Miss Universo torna-se Embaixadora da organização, nos quesitos Educação e Combate e Prevenção à AIDS, em todo o mundo.

A faixa e a coroa serão entregues à nova Miss pela venezuelana Gabriela Isler, atual Miss Universo.

Durante toda esta semana, a agenda das candidatas foi extensa, com entrevistas para a TV, e a gravação, na quarta-feira, do belíssimo e tradicional traje típico, onde, infelizmente, o Brasil vem sempre mostrando mais, do mesmo. Quase todas as candidatas anteriores pareciam clones de Carmem Miranda. Enfim, espero que seja diferente, desta vez.

Melissa Gurgel usará um traje encomendado ao estilista brasileiro Alexandre Dutra e, em tons de branco e azul, representará as águas brasileiras.

Também na quarta feira, as 88 candidatas desfilaram com trajes de banho e de gala para que os jurados fizessem a seletiva das 15 semifinalistas (não sei, mas isso me cheira à "marmelada", sempre).

Publicidade

A cearense Melissa Gurgel tem 20 anos, foi eleita Miss Ceará em 2014 e logo tornou-se Miss Brasil.

Melissa, além de belíssima, é muito inteligente e articulada, saiu-se muito bem em seus argumentos na polêmica preconceituosa a respeito de seu sotaque nordestino, nas redes sociais.

Ela cursa faculdade de Design de Moda, revelou ser virgem e tem apenas 1,68m de altura, o que a torna uma das candidatas com menor estatura, em todas as edições do evento.

Vamos todos torcer pela bela Melissa Gurgel, que, se ganhar o Miss Universo, será a terceira brasileira a usar a faixa e a coroa, ao lado de Ieda Vargas (1963) e Martha Vasconcelos (1968).

Fica a nossa torcida, e com certeza vale a pena assistir, é um evento que nos traz à memória bons tempos, e nos traz aos olhos belas imagens, desde os desfiles de trajes típicos, passando pelos trajes de banho, até os tão esperados trajes de gala - chiquérrimos!

É amanhã, dia, 25 de janeiro, às 23 horas, na Band, e na TNT. #Televisão