Uma boneca ao “estilo Barbie”, mas usando véu muçulmano, atrai milhares de seguidores nas redes sociais. Hijarbie, como foi batizada, nasceu com a proposta de unir #Moda e fé.

A criadora da personagem se chama Haneefah Adam, de 24 anos, moradora da Nigéria. Ela explica que decidiu levar a personagem para a internet porque nunca tinha visto uma boneca usando o hijabe, com perfil próprio e personalidade.

O hijabe - que pode ser traduzido livremente como “cobertura” - é o conjunto de vestimentas preconizadas pela doutrina islâmica. O termo é, em boa parte das vezes, empregado para citar as roupas femininas, com destaque para o véu.

Publicidade
Publicidade

“Um monte de pessoas tem adotado o véu agora, porque elas sabem que podem estar na moda sem realmente comprometer a sua fé”, disse Haneefah à rede Al Jazeera.

 

INSTAGRAM

A conta de Hijarbie tem quase 38 mil seguidores no Instagram (@hijarbie). Em cada post, Haneefah mostra todo o estilo de sua boneca, de modelos para serem usados no cotidiano a vestimentas para ocasiões especiais.

As postagens geram comentários variados entre os seguidores. Uma internauta escreveu que aplaude a criadora da personagem pelo esforço em fazer uma “Barbie diversificada”, mas ponderou que a tonalidade da pele ainda tem apelo ocidental, sugerindo adaptação com tons pardo e negro.

Outra internauta disse que espera que Haneefah possa vender sua boneca, em breve, pois as “roupas são lindas”. E foi mais além: “que tal se o hijabe fosse adaptado para algumas princesas da Disney?”, sugeriu.

Publicidade

Haneefah faz pós-graduação em farmacologia. Ela estudou na Inglaterra, mas atualmente mora na Nigéria. A jovem também tem um blog de estilo de vida destinado a mulheres muçulmanas.

REPRESSÃO

Há relatos de países islâmicos que reprimem a venda da Barbie tradicional, que vê nesta boneca um ícone da cultura ocidental perniciosa. Da mesma forma, nações árabes oferecem opções tradicionais do brinquedo, consideradas mais adequadas aos valores da cultura local. 

Outra ofensiva recente lançada contra Barbie reclama do padrão imposto - pele branca, magra, cabelos loiros - e cobra ruptura deste modelo. #Entretenimento #Beleza