A mais famosa modelo “plus size” do Brasil se chama #Fluvia Lacerda. Nascida no Estado do Rio de Janeiro, em 31 de julho de 1980. Fluvia, que tem o seu trabalho reconhecido em âmbito mundial, é considerada por muitos como uma modelo semelhante, no que diz respeito às características de talento, beleza e carisma a uma outra modelo de destaque, a gaúcha Gisele Bündchen. Não está errado dizer, então, que Fluvia é a “Gisele Bündchen do plus size”.

Fluvia Lacerda se aproveitou do período de alta temporada turística no hemisfério Norte e foi curtir alguns dias nas paisagens paradisíacas de um dos países mais bonitos do mundo, que é a #Grécia.

Publicidade
Publicidade

Ela acabou postando várias fotos de biquíni nos cenários deslumbrantes do litoral e ilhas gregas, escrevendo em uma das suas postagens, literalmente, a seguinte frase: “Pacito, pacito... suave, suavecito... Paros, here I come! Já já rumo às ilhas pra bailar Despacito!".

Para quem não sabe, Paros é mais uma das incríveis ilhas gregas, localizada no arquipélago das Cíclades, região que fica no centro do Mar Egeu. A título de curiosidade, a palavra Cíclades se origina do radical grego “kyklos”, que significa círculo. Isso significa que são ilhas dispostas em forma circular no Mar Mediterrâneo, o que só faz aumentar o charme do país balcânico.

A modelo brasileira alcançou o topo máximo de reconhecimento pelo seu trabalho. Juntamente com as norte-americanas, francesas e canadenses, Fulvia é uma das mulheres plus size mais reconhecidas e famosas em vários países.

Publicidade

Tanto é assim que, inclusive, fotografou para a capa da reconhecida revista masculina Playboy, no Brasil.

Após as postagens de Fulvia na web, não demorou para que os internautas, em geral, ficassem alvoroçados e registrassem comentários a respeito da musa, com adjetivos tais como “sexy”, “épica”, “colírio", entres tantas outras frases de galanteio e admiração.

A brasileira mudou-se para os EUA quando tinha 16 anos, exatamente no ano de 1996, indo direto de Boa Vista, capital de Roraima, com o objetivo de estudar a língua inglesa. Entretanto, em função dos apuros financeiros de sua família, ela acabou trabalhando por lá como faxineira e babá.

Todavia, pelo que tudo indica, em um determinado dia na América, Fluvia estava no lugar certo e na hora certa, pois foi vista, no interior de um ônibus na megalópole de Nova York, por uma produtora responsável pela seção de #Moda de uma revista, que foi falar com ela. O resultado desse encontro inusitado foi que, desde 2003, a moça iniciou as suas atividades, trabalhando como modelo plus size.

Fluvia é mãe de dois filhos, nascidos nos EUA, e tem como “superstição” jamais revelar a ninguém quanto pesa e reforça que jamais se viu fazendo alguma dieta. A modelo já fez trabalhos e ganhou até US$ 20 mil ao dia, representando logotipos de fama mundial, como as marcas Fashion Bug, Mar & Nua, Tórrid, Kmart, Igigi e muitas outras, por vários países dos cinco continentes. Não é à toa que Fluvia compõe o plantel da Ford Models.