Na madrugada deste domingo, (27), Johnny Moura, modelo e promotor de eventos, de 22 anos, foi assassinado na saída de uma festa, por volta das 5h30, no bairro Dunas, no buffet La Maison, localizado na área nobre de Fortaleza.

De acordo com a delegada Socorro Portela, da Divisão de Homicídios e Proteção (DHPP), ”houve uma pequena discussão no buffet, na qual o modelo socou a cara do homem que paquerou sua namorada, que na saída da festa deu um tiro na cabeça do modelo".

O modelo estava na festa quando um homem deu em cima de sua namorada e o modelo deferiu socos, causando uma discussão, os seguranças do local apartaram a discussão.

Publicidade
Publicidade

O jovem modelo estava acompanhado de sua namorada e mais duas amigas. Quando estavam no estacionamento deixando o local da festa, Johnny estava no banco do passageiro, sua namorada deu a ré e o modelo baixou o vidro do carro, então, um homem se aproximou e puxou a cabeça do modelo, efetuando um disparo à queima roupa.

Não se sabe até o momento quem efetuou o disparo, porém, sabe-se que o culpado fazia parte do grupo de amigos do rapaz que o modelo agrediu. Por conta da falta de ambulâncias no local, a namorada do modelo o levou de carro para o hospital, porém, o modelo não resistiu ao ferimento e acabou falecendo a caminho do Instituto Dr. Jose Frota (IJF).

Os amigos do modelo compareceram à delegacia para fazerem o boletim de ocorrência e dar depoimento sobre o ocorrido. O responsável pelo Buffet La Maison afirmou que iria disponibilizar as imagens de segurança do local no dia do ocorrido para ajudar a polícia a investigar o caso.

Publicidade

De acordo com os amigos da vítima, o modelo não tinha problemas com ninguém, e era considerado um cara simpático, uma pessoa do bem, além de ser muito focado no trabalho, pois gostava do que fazia. Johnny e sua namorada estavam juntos há um ano e meio.

O velório e o enterro aconteceram hoje (28), às 11h, no cemitério São João Batista, no centro de Fortaleza, onde parentes e amigos se despediram e fizeram suas últimas homenagens ao modelo. A mãe do modelo não saia um só minuto de perto do caixão do filho. 

A polícia ainda está investigando o caso. #Família #Crime #Casos de polícia