Uma tentativa de assalto acabou em morte nesta sexta-feira, dia 12, no bairro do Pici, em Fortaleza. O soldado da Polícia Militar, Augusto Roberto Félix, de 27 anos, acabou assassinado com nove tiros, sendo sete na cabeça, um no braço e outro nas costas, durante uma tentativa de assalto. O fato aconteceu por volta das 6 horas da manhã, na Rua Santo Amaro. Após o fato, o assaltante fugiu do local e cometeu mais um #Crime. Desta vez, contra um aposentado de 83 anos. A vítima foi alvejada com um único tiro no peito.

A primeira vítima e o que dizem as testemunhas do assalto

 O soldado Augusto Félix era locado no BPRaio (Batalhão de Policiamento de Rondas Ostensivas e Intensivas) e militar há 6 anos.

Publicidade
Publicidade

Na manhã do crime, ele trafegava com sua moto naquela rua, quando foi abordado por dois homens, também em uma moto de cor vermelha, do tipo Bros, que desceram e anunciaram o assalto. Na ocasião, o policial estava de folga.

De acordo com uma testemunha que presenciou todo o fato, os dois homens mandaram o policial descer da moto e vir andando de costas. Somente um deles saiu da moto, o mais magro. O segundo ficou aguardando, possivelmente dando apoio ao comparsa. O policial disse que ia tirar a carteira, entretanto, sacou a arma e os disparos começaram.  Na briga com o assaltante, o policial consegui matar o que estava de pé, cujo apelido era o ' Maquito do Gueto' e mais tarde identificado como Bruno de Barros. O segundo assaltante desceu  e veio atirando contra o soldado, que atingido com os tiros morreu no local.

Publicidade

Em seguida, o criminoso fugiu na própria moto, levando a arma do policial.

O segundo assaltante faz mais um vítima horas depois

Após matar o soldado, o criminoso seguiu do Pici até o bairro Jardim Iracema, onde fez a sua segunda vítima. Foi um aposentado de 83 anos que acabara de chegar para abrir o pequeno comércio da filha. O crime aconteceu na Rua Rio Paraguai. A vítima assassinada era José Vilemar de Freitas. De acordo com relatos, o bandido chegou ao estabelecimento na mesma moto do crime anterior. Ele entrou, houve uma rápida discussão e em seguida o crime, que foi praticado com um único tiro que atingiu o tórax do idoso. Mais uma vez, o criminoso fugiu do local.

A investigações da Polícia

A Polícia Civil do Estado do Ceará abriu as investigações para apurar o caso. No local do segundo homicídio foi encontrada a cápsula detonada do único tiro que matou o aposentado. Os policiais estranharam o fato de que durante o assalto ao mercadinho foram levados apenas R$ 100, além disto, o corpo do idoso foi encontrado em plena rua, apesar do crime ter sido praticado dentro do estabelecimento.

Publicidade

Os policias prenderam Francisco Jardeson Martins da Cruz, primo do primeiro assaltante que foi morto pelo policial. Ele, que é preso da Justiça, foi detido após quebrar a tornozeleira de monitoramento que usava. O mesmo foi conduzido para a Delegacia de Homicídios da capital. A Polícia não divulgou a informação de que ele tenha participado do assalto e continua as diligências em busca de identificar o segundo assaltante. #Violência #Investigação Criminal