Gosta de conhecer lugares tranquilos com paisagens únicas? Conheça o Deserto do Atacama localizado no norte do Chile. Ele é considerado o deserto mais frio, mais árido e mais alto do mundo. Não se preocupe em escolher muito uma data para a viagem, pois o clima no Deserto do Atacama é quase sempre o mesmo o ano todo e o risco de encontrar um dia chuvoso é mínimo. Historiadores afirmam que não chove há aproximadamente 400 anos em algumas localidades.

Para chegar ao Deserto do Atacama é preciso embarcar nos voos que saem de Santiago (Chile) com destino a Calama e têm a duração de duas horas. A viagem de Calama a San Pedro de Atacama pode ser feita com carro alugado, trânsfer ou ônibus e dura cerca de uma hora.

Publicidade
Publicidade

Antes de montar sua programação, lembre-se de que você estará em altitudes elevadas e isso pode trazer consequências como enjoo, tontura, falta de ar e dor de cabeça. Antes da viagem, uma atenção especial deve ser dada aos idosos, a pessoas com problemas cardíacos e com pressão alta. Procure um médico para saber se a viagem é recomendada.

Anote algumas dicas para reduzir ou evitar o mal de altitude:

  • Evite ingerir comidas de difícil digestão e ingerir bebidas alcoólicas.
  • Hidrate-se bem ingerindo muita água ou sucos.
  • Durma bem.
  • Faça uma aclimatação de pelo menos três dias na cidade de San Pedro e nos locais de menos altitude. Visitar logo no primeiro dia lugares como o Geyser del Tatio e Salar de Tara não é uma boa ideia, pois nesses lugares as altitudes atingem 4500 metros de altitude.
  • Procure um médico se os sintomas persistirem.

Pontos turísticos que você não pode deixar de visitar no Deserto do Atacama:

San Pedro de Atacama

A cidadezinha fica a 2.800 metros de altitude e é o ponto de partida para quem deseja visitar o Deserto de Atacama.

Publicidade

Com suas ruas de terra, a comunidade dedica-se ao #Turismo e ao artesanato. Seus restaurantes têm pratos variados e cervejas artesanais produzidas no país. Algumas de suas atrações turísticas são o Museu do Meteorito, o Museu Arqueológico Gustavo Le Paige e a igreja feita de couro de lhama, madeira de cacto e adobe, datada de 1774.

Geyser del Tatio

Localizado a 4.300 metros de altitude no campo geotérmico de Tatio. Para desfrutar das belezas do local é necessário chegar de madrugada (horário em que a intensidade do vapor é maior e gera jatos de água fervendo).

Laguna Altiplânica Miscanti

A mais de 4.100 metros de altitude e com ar rarefeito, a Laguna tem uma lagoa com águas de um azul intenso. Vários vulcões adicionam ainda mais beleza ao cenário.

Salar de Tara

A quase 4.400 metros de altitude, o Salar pertence à Reserva Nacional dos Flamingos. No caminho para chegar ao Salar para visitar os flamingos, as Catedrais de Tara tiram o fôlego de qualquer um.

Publicidade

As Catedrais são grandes esculturas de pedra que mais parecem um castelo.

Valle de La Muerte

Localizado na Cordilheira de Sal, o vale recebeu esse nome devido ao solo árido, que faz com que nada cresça ou sobreviva no local. Do alto do vale, os visitantes podem admirar alguns dos vulcões da região.

Antes de viajar consulte os valores dos passeios e dos bilhetes para entrada nos locais que deseja visitar. Boa viagem! #Natureza