No dia vinte e nove de setembro uma das maiores personagens em quadrinhos da América Latina comemora cinquenta anos. O argentino Joaquim Lavado (Quino) tinha 34 anos quando publicou as primeiras tirinhas da Mafalda na revista Premera Plana, em 1964. Mafalda foi criada para uma campanha publicitária de eletrodomésticos, que terminou cancelada. Politizada e observadora, a garota de seis anos marcou gerações ao desconstruir a mentalidade, as convenções e conveniência da classe média, num universo marcado por desigualdade e autoritarismo. Mafalda nasceu numa época conturbada, de golpes militares na América Latina e da Guerra do Vietnã.

A cidade que serviu de cenário para Mafalda é Bueno Aires.

Publicidade
Publicidade

A sua frase predileta é: "Estou pensando. Quero ter o gosto de poder pensar em frente da TV, pelo menos uma vez." O amigo predileto da personagem é Manolito. O nome da personagem foi criado por causa da linha de produtos eletrodomésticos que se chamava Mansfield, nome adaptado para Mafalda. As histórias da Mafalda foram publicadas por dez anos de 1964 até 1973. A melhor amiga da menina é Liberdade, ela é muito pequena na estatura.

É interessante saber quem são os personagens destes quadrinhos e as características de cada um. Mafalda é uma menina de seis anos, que odeia sopa e adora os Beatles e o desenho do Pica-Pau. Papai trabalha numa companhia de seguros, adora cultivar plantas em seu apartamento e entra em crise quando repara na sua idade. Mamãe, típica dona de casa, não completou os estudos, entra em conflito com a filha quando prepara sopa e macarrão.

Publicidade

Filipe é um sonhador que odeia a escola, mas que frequentemente trava batalhas com sua consciência e seu senso de responsabilidade. Manolito é filho de um comerciante, mais preocupado com os negócios e dinheiro do que com outra coisa, não gosta dos Beatles e é um estudante que tira notas baixas, exceto em matemática. Susana é uma menina fútil. Seu único objetivo é encontrar um marido rico quando crescer e ter filhos. É fofoqueira e egoísta. Guille é o irmão caçula de Mafalda, esperto para sua idade. Liberdade gosta das coisas simples da vida e seus pais são jovens idealistas. Burocracia é a tartaruga dada por seu pai a Mafalda e Guille. Foi batizada com este nome por ser tão vagarosa.

A exposição de "o mundo de Mafalda" passou pela Argentina, México, Costa Rica e estará em São Paulo, na praça das Artes, em dezembro, em comemoração aos seus cinquenta anos. Desenhos originais, reproduções de cenários, vídeos integram "o mundo de Mafalda", que faz parte do circuito SP, da Secretária Municipal de Cultura.

Publicidade

As histórias destes personagens são publicadas em forma de tirinha até em alguns jornais brasileiros. Já serviram também de base para criar questões em provas do ENEM, prova Brasil, questões de livros de Português do Ensino Médio, etc. Mesmo depois de 50 anos, a personagem possui uma legião de fãs por todo mundo e serve para reflexões, que se encaixam tanto para a época que foi criada até aos dias de hoje. #Entretenimento