As férias escolares já começaram e se estendem por todo o mês de janeiro, o que pode ser ótimo para as crianças, mas, muitas vezes, deixa os familiares mais atarefados e até um pouco em dúvida de como lidar com a situação. Isso acontece por que muitos trabalham no horário em que a criança está na escola e, como nas férias alguém vai precisar ficar com elas, é necessário que um adulto entre em férias ou, pelo menos, os responsáveis alterem os horários de trabalho para revezarem e cuidarem delas. E quando estiverem todos em casa, é necessário criar atividades para que eles possam gastar energias. Veja algumas #Dicas do que fazer!

Dicas de brincadeiras para se fazer com as crianças

Coloca-las para assistir TV ou jogar videogame é algo muito prático, mas nada saudável.

Publicidade
Publicidade

É preciso estimular as crianças a brincarem, correrem e pularem. Caso haja algum parquinho perto da sua casa, uma boa opção é levá-las lá. Quem mora em condomínio e pode contar com a comodidade de ter um playground no prédio também tem uma opção de brincadeiras muito interessante.

Convidar os pequenos para fazer piquenique é algo muito divertido. Eles podem participar desde a montagem do lanche, até na escolha do local. Faça uma cesta de frutas, sanduíches frios e sucos naturais. Escolha um gramado tranquilo perto de casa ou em um parque da sua cidade. Leve-os para lá para passearem e lancharem. Aproveite e ensine a importância de recolher o lixo, os copinhos e plásticos de embalagem, para não sujar e poluir o meio ambiente.

Reunir os coleguinhas em casa também é uma boa opção. Jogos como o que queimada, pular corda, pega-pega, esconde-esconde e outras atividades que possam ser feitas em grupo costumam atrair as crianças.

Publicidade

Jogos de tabuleiros também são interessantes, pois estimulam o raciocínio e permitem que eles se divirtam em horários de sol mais forte.

Por fim, você pode também convidá-los para ajudar a preparar o lanche da tarde. Clique aqui e veja algumas receitas que as crianças podem fazer sem se ferir. #Educação #Família