Se você é uma daquelas pessoas que sonha conhecer a terra santa mas não tem coragem porque a mídia só noticia a guerra, como se aquele lugar fosse o único do planeta onde existem conflitos, então desista. #Israel é um dos poucos lugares do planeta que alia uma bela #Viagem, com uma experiência espiritual e religiosa incomparável, acredite. Mas a guerra lá já dura milênios.

Passar o anoitecer de uma sexta-feira no muro das lamentações é uma das experiências mais fantásticas que você terá na sua vida, assim como visitar o santo sepulcro, onde estão as últimas estações da via dolorosa e a "pedra sagrada" onde, segundo a história, o corpo de Jesus teria sido colocado quando tirado da cruz.

Publicidade
Publicidade

Viajar para Israel requer sim, planejamento, disciplina e muita atenção, além de absoluto respeito às regras daquele país, portanto antes de embarcar, leia muito sobre costumes judaicos, o que se pode ou não fazer, principalmente no shabat, que acontece do entardecer da sexta até o entardecer do sábado. É um dia em que tudo pára em Jerusalém, inclusive o transporte. Neste periodo de tempo você fica "proibido" de fazer qualquer coisa que não tenha sido criada por Deus. Quer um exemplo prático ? Escrever com uma simples caneta é um sacrilégio. Celular e câmeras durante o shabat, nem pensar.

Em Belém isso já não acontece porque a cidade é dominada pelos muçulmanos e árabes, diferente de Jerusalém, dominada pelos hebreus. Quando for viajar para Israel, atente-se a questões básicas para não ter problemas: #Terrorismo

  • Mesmo que não fale o inglês, treine frases básicas com alguém, a não ser que você fale fluentemente o hebraico ou árabe
  • A entrevista de entrada no aeroporto de Tel Aviv é rigorosa e muito simpática, feita em inglês geralmente.
  • Leve impresso a reserva do seu hotel ou hostel, assim como passaporte com validade longa e telefone do consulado brasileiro.
  • Não titubeie ao responder uma pergunta durante a entrevista no aeroporto.
  • Só leve na bagagem de mão ítens absolutamente necessários, o restante despache, e mesmo assim muito cuidado com o que leva.
  • A entrevista de saída no aeroporto de Tel Aviv é extremamente rigorosa e a verificação da bagagem geralmente demora muito. Chegue com 04 horas de antecedência ao aeroporto.
  • Quando andar em Israel, pense que você está mais seguro sozinho do que acompanhado de uma multidão, alvo preferido de terroristas.
  • Respeite o shabat.
  • Quando for à Belém, procure uma agência de turismo, pois lá não se fala o inglês e a igreja da natividade é longe de onde param os ônibus comuns.
  • Procure não chegar tarde em Tel Aviv se seu objetivo é seguir para Jerusalém.
  • Procure viajar com uma companhia aérea onde funcionários falem um idioma que você entenda.