Daenerys Targaryen, Filha da Tormenta, a Não Queimada, Mãe de Dragões, Rainha de Mereen, Rainha dos Ândalos e dos Primeiros Homens, Senhora dos Sete Reinos, Khaleesi dos Dothraki, a Primeira de Seu Nome -ufa! - acrescentou um novo feito em suas conquistas no último episódio da série, exibido no último domingo. A bela, “tocou o terror”, literalmente, em Vaes Dotraki e conquistou novos seguidores.

A cena foi épica, digna de aplausos de pé por parte dos expectadores. Os fãs já esperavam que Daenerys escapasse de seu cativeiro Dotraki, provavelmente com a ajuda de Sir Jorah e Daario Navaris, o que aconteceu de fato, porém o plano já estava em curso, ou mesmo com a ajuda de seu Dragão, Drogon, que poderia incendiar a cidade dos sagrada.

Publicidade
Publicidade

Emilia falou sobre a cena em entrevista ao ao Entertainment Weekly, "É muito emocionante, de fazer formigamento no corpo. A cada temporada eu recebo pelo menos um momento arrepiante. Eu simplesmente me levanto e digo, 'Eu estou ouvindo o que vocês todos estão falando, mas o engraçado é que vou matar todos vocês'". (tradução livre)

O co-criador da série, DB Weiss, também comentou a cena "Isso é o que é mais divertido sobre isso. Você sabe, a partir da primeira temporada, que isso é o 'super-poder' dela, mas não é realmente esse tipo de história. É quase como a revelação que ela tinha quando Jorah e Daario vieram resgatá-la. Ela diz tipo, 'Espera, eu posso fazer uma coisa que nenhuma dessas pessoas pode fazer e agora que eles dois podem me ajudar, eu posso usar isso a meu favor'. É uma solução muito simples, um plano onde você pode usar três pessoas para eliminar dezenas de uma forma muito dramática por apenas acender o fogo e ficar lá esperando". (tradução livre) 

Daenerys agora, além de seguidores devotos, ganhou um exército poderoso.

Publicidade

"Ela sabe que essa é a peça que faltava", diz Emilia. "Os Dothraki são a peça que faltava em sua equipe - ela é aparentemente indestrutível ao ter os Dothraki do seu lado".

Emília ainda falou que não usou uma dublê na cena, em que aparece nua: "Eu quero relembrar às pessoas que a última vez que tirei minhas roupas foi na terceira temporada. Isso foi há um bom tempo. Agora é a sexta temporada. Mas foi tudo eu, toda orgulhosa, toda forte. Estou me sentindo genuinamente feliz em dizer 'Sim', não é nenhum corpo de dublê!" 

A cena do incêndio foi feita em um set fechado, em Belfast, para evitar acidentes, e a com os Dotraki foi gravada em um set no deserto da Espanha. 

A intérprete de Dany afirmou que filmar essa cena foi ainda melhor do que a cena do nascimento dos dragões. "Tirar a roupa não é a coisa mais fácil, mas com a máfia dos efeitos, eu não tive que fazer como na primeira temporada e ir para um penhasco gravar. Eu estou no controle". 

David Benioff, co-criador da série, foi só elogios durante a entrevista: "Emilia simplesmente arrasou. É uma daquelas cenas estranhas porque metade foi gravada em Belfast e metade foi na Espanha. Mas, em grande parte por causa de seu desempenho, funciona de forma brilhante".

Emilía Clarke nem sempre reagiu bem a tirar a roupa na TV. No ano passado, usou seu Instagram para se defender de tabloides que espalharam rumores sobre sua insatisfação em fazer cenas de nudez e de sexo.  #Seriados #Game of Thrones