As maquiagens têm o poder de mudar o rosto de alguém, esconder olheiras, espinhas, e dar aquele charme a mais.

Uma maquiadora chamada Mimi Choi, vai muito além disso. Ela é especialista em um determinado tipo de maquiagem diferente, e nada comum. Ela consegue criar obras incríveis no rosto de uma pessoa, que são capazes, até mesmo, de confundir sua mente.

As imagens, que nem parecem pinturas, e sim editadas em algum programa de fotos, são, na verdade, suas grandes obras, e estão fazendo muito sucesso.

Usando uma técnica chamada de "trompe-l’oeil", ela consegue criar no rosto uma ilusão de ótica, em formas geométricas, e em um quebra-cabeças tão surreais, que é espetacular.

Publicidade
Publicidade

Confira algumas de suas criações:

1) Seu trabalho é tão perfeito, que, realmente, parece que essa pessoa tem um olho na testa, e outro no queixo. 

2) Ela consegue fazer com que o rosto praticamente fique distorcido. Impressionante.

3) Na primeira imagem, parece que sua pele está saindo do rosto. Ja na segunda de cima, dois rostos parecem tomar conta do semblante dessa pessoa.

As duas abaixo trazem vários olhos no rosto, que são realmente sensacionais.

4) Parecem ou não parecem vários olhos?

5) Impressionamente o trabalho nessa maquiagem.

Publicidade

Parece realmente que ela está usando um tipo de máscara.

6) A semelhança dos olhos, principalmente das cores, são tão perfeitas, que dá para confundir quais, realmente, são os olhos verdadeiros dela. 

Você sabe onde surgiram as maquiagens?

Conheça algumas #Curiosidades

Muitos anos atrás, no Egito antigo, os homens também faziam uso da maquiagem, como as mulheres.

Os olhos que eram considerados, ou são ainda, por muitos, como o espelho da alma, era o que mais se pintava na época, para na verdade protegê-los contra espíritos.

Acredita-se que, nessa época, também surgiu a maquiagem.

Na Idade Média, por causa da Igreja, que considerava o uso do lápis de olho uma forma de vaidade, acabou sendo abandonado.

O batom surgiu na idade antiga, como uma pasta gordurosa que era feito à base de cevada, chifre de veado, salitre e mel. Mas a moda veio a ser mais desenvolvida e consumida no século 17, feitas como pomadas coloridas, que, atualmente, são os batons. #Entretenimento #Dicas