Ontem, dia 19 de novembro, a banda #fresno fez mais um show inesquecível no Rio de Janeiro. Os rapazes apresentaram para os fãs cariocas as faixas do novo álbum, "A #Sinfonia de Tudo que Há", em sua primeira apresentação, ao vivo. O concerto foi realizado na Fundição Progresso, tradicional casa de shows do Centro do Rio de Janeiro, onde a banda já é "cliente" há alguns anos. Canções como "Sexto Andar" e "Poeira Estelar" renovaram o repertório do grupo e reforçaram o caminho que a Fresno quer traçar, assumido no discurso da banda e declarado incansáveis vezes pelo seu vocalista, o gaúcho Lucas Silveira.

Sem tempo para atrasos e imprevistos, o show do grupo foi aberto pela banda Baleia, conhecida por músicas como "Volta" e "Casa".

Publicidade
Publicidade

A apresentação de abertura foi aplaudida de pé até mesmo pelos fãs que aguardavam a Fresno e teve boa recepção pelo público carioca.

Em meio a gritos desesperados dos seguidores da banda, a Fresno entrou no palco em formato de barco da Fundição por volta da 1h da madrugada. Apesar do álbum "A Sinfonia de Tudo Que Há" ter sido lançado há menos de um mês, os fãs fizeram questão de cantar, a plenos pulmões,

e provar que decoraram cada palavra dos versos escritos pelo grupo. Ao fim do show, pediram bis e praticamente carregaram o grupo até a saída.

Brevemente, Lucas falou sobre como se sentia em estar em meio a mais de mil fãs da Fresno, cantando as músicas de seu grupo.

"Em uma época tão estranha como essa que estamos vivendo, ver isso aqui acontecer, mais de mil pessoas aqui por #Música e nos permitindo viver isso é impagável", agradeceu o vocalista.

Publicidade

Além das músicas novas, canções que garantiram o sucesso que a banda teve pelo Brasil foram lembradas, como "Stonehenge", do começo da carreira, e também "Acordar", "Diga - parte 2", " Em Cada Poça Dessa Rua Tem um Pouco das Minhas Lágrimas" e "Revanche".

Por meio de seu Twitter, a banda agradeceu a presença dos fãs e confirmou a agenda para a turnê "Sinfonia".

Foi ao show? Confira as fotos feitas pelo jornalista Tadeu Goulart.

Veja também vídeos das apresentações da noite: