Taiwan - Agência governamental afirma que um avião da TransAsia Airways, com 58 pessoas a bordo caiu em um rio na capital Taipei, logo após a decolagem nesta quarta-feira (4) de manhã.
Pelo menos doze pessoas morreram, há dezesseis feridos e aproximadamente trinta pessoas desaparecidas, porém o relato das vítimas continua provisório. As operações de resgate estavam em andamento para tirar os sobreviventes da água.

O avião tinha acabado de sair do aeroporto Songshan de Taipei com destino a Kinmen, uma ilha perto do continente, na província chinesa de Fujian. A Civil Aeronautics Administration (Administração da Aviação Civil) de Taiwan disse que o avião transportava a bordo cinquenta e três passageiros e cinco tripulantes.

Publicidade
Publicidade

Imagens dramáticas, gravadas de uma câmera do painel de um carro e publicadas online logo após o acidente, mostram o avião voando baixo sobre uma rodovia elevada, quando a asa recorta a estrada antes de cair no rio. A televisão local mostra as imagens do avião roxo e branco, as cores da TransAsia Airways, no rio Keelung, no leste de Tapei, com a equipe de resgate nos barcos infláveis procurando os sobreviventes.


"Mayday Mayday, motor em avaria"

Pouco antes do acidente, o piloto indicou um problema no motor e, de acordo com a gravação da comunicação do avião com o controle de tráfego aéreo, pediu socorro.

Este é o segundo acidente da companhia aérea em pouco mais de seis meses. No primeiro acidente da TransAsia, em julho de 2014, morreram 48 pessoas das 54 a bordo. A causa desse acidente ainda está sob investigação. O avião estava tentando pousar em Magong, nas Ilhas Penghu de Taiwain, quando caiu, durante uma tempestade, causada pelo tufão Matmo, que ocasionou fortes chuvas e ventos na região. 

Taiwan já ficou entre os países com a pior segurança aérea, mas nos últimos anos a situação tinha melhorado. O acidente do ano passado em Penghu foi o primeiro acidente mortal em 12 anos.
O acidente desta quarta-feira (4) levantará provavelmente mais dúvidas sobre os recursos de segurança da companhia privada TransAsia Airways, cujos destinos principais são a #China continental, Japão, Tailândia, Coreia do Sul e Camboja.