O nome do personagem dessa triste história da vida real é Mr. Dukes. O cãozinho de onze anos foi diagnosticado com câncer em estágio terminal. Como o cão adorava nadar na piscina da família, seus donos o presentearam com um fim de semana em uma praia de Maryland, nos Estados Unidos.

O casal Zhenia e Christian alugou uma casa na praia e levou Mr. Dukes e mais dois cachorros para a viagem inesquecível. Todos os #Cães se divertiram e puderam caminhar nas ondas rasas que invadiam a praia.

O trio fez passeio noturno, dormiu na areia e recebeu muito carinho de seus donos. Ao mesmo tempo em que Zhenia e Christian se divertiram na viagem, tiveram de segurar a emoção, afinal, eles sabiam que dificilmente poderiam fazer isso de novo, pelo menos não com o Mr.

Publicidade
Publicidade

Dukes. Isso fez com que aproveitassem ainda mais a viagem, tornando todo e qualquer momento inesquecível.

Os cães sempre foram uma grande paixão de Zhenia e Christian, por isso, assim como ocorre com muita gente, os #Animais são vistos como membros da família. Os outros cães da família são as cadelas Ruby e Violet, sendo a segunda uma bela vira lata adotada há pouco tempo.

O casal fotografou a viagem durante todo o tempo. Desde o primeiro cão correndo para o mar ou de um deles acordando antes de todo mundo, até Mr. Dukes descansando na areia. Por conta da idade e da doença, Mr. Dukes se cansava bem mais rápido que as duas cadelas que o acompanharam na viagem.

Mr. Dukes tinha um tipo raro de câncer canino e que já se encontrava em estágio muito avançado. Mesmo com o tratamento as chances de sobrevivência eram mínimas, tanto pela fase em que se encontrava, quanto pela idade do cão.

Publicidade

O casal descreve Mr. Dukes como super companheiro e já podiam sentir saudades do amigo durante a viagem, antes mesmo de ele partir.

Zhenia é fotógrafa e fez o "book" de despedida em agosto do ano passado, mas só agora divulgou as fotos, que tiveram repercussão internacional. O casal ficou triste, pois Mr. Dukes faleceu um mês após a viagem, mas antes disso, lutou bravamente por dois anos contra o câncer.