A #China já está vivendo o ano da Cabra. Bombinhas e fogos de artifício acompanham a entrada do novo ano, visando espantar maus espíritos. E famílias do país concentraram-se para celebrar o acontecimento, como é costume. Assim como acontece no mundo ocidental com a virada do ano, no réveillon na China, se festeja com entusiasmo a mudança do calendário lunar.

O ano de 2014, do Cavalo, foi positivo e auspicioso. Sendo um dos animais chineses mais favorecidos, o cavalo simboliza movimento. Em 2015 a Cabra regerá o calendário lunar chinês. No mundo ocidental, o signo do caranguejo é o animal que equivale a isso. Conforme mostra a tradição, a cabra é mais propensa a seguir e obedecer aos outros, sem ter vocação para liderar.

Publicidade
Publicidade

Isso fez com que casais chineses providenciassem para ter filhos antes da entrada do novo ano.

Conforme a superstição, os chineses têm a convicção que estas crianças, depois de adultas, terão um casamento infeliz e não alcançarão êxito. Existe uma forte crença num dito popular que diz que somente 10% das pessoas nascidas no ano da Cabra vão encontrar a felicidade.

Os doze animais que integram o zodíaco chinês possuem suas virtudes e defeitos próprios. Entre esses, a cabra parece ter a pior reputação. Outros são preferidos, como o dragão, tigre e cavalo. A cabra consegue ter reputação pior até mesmo que ratos e cobras (que trazem boa sorte). A cabra é vista com restrições por possuir pouca qualidade, conforme a crença reinante na China.

Além de toda a tradição de que a mudança de ano representa para milhões de funcionários de empresas chineses, nesta época acontecem suas únicas folgas durante todo o ano.

Publicidade

O mesmo acontece em colégios e nas empresas estatais, com a esperada pausa de, no mínimo, uma semana.

Por todos os lugares, tanto nas grandes como nas pequenas cidades, lanternas vermelhas estão visíveis. Elas são o símbolo desta mudança no calendário e decoram edifícios inteiros. Todos os tipos de desenhos de cabras estão afixados em lojas e grandes centros de vendas e negócios. A China é um país em que a superstição faz parte da vida diária de todos. Assim, conforme a mitologia chinesa, as pessoas precisam estar atentas e ter cuidados redobrados sempre que estiverem vivendo no ano do seu signo.