O governo da Guiné Equatorial patrocinou a escola de samba "Beija-Flor", vencedora do #Carnaval carioca em 2015. O fato causou grande polêmica mundial. Aproximadamente mais de 70% da população desse país africano passa fome. Seus indicadores sociais são baixos, mas o lugar é rico em petróleo. A "Beija-Flor" foi para a avenida com o enredo de samba em homenagem ao referido país. O dinheiro recebido da Guiné proporcionou a escola de samba carioca realizar um desfile impecável, o que a levou ao seu 13º título.

Com a ajuda milionária recebida, a escola criou o enredo do samba, no qual a história e a cultura do país africano é cantada.

Publicidade
Publicidade

A "Beija-Flor" venceu o Carnaval carioca com 269,9 de pontuação, cinco a mais do que a segunda colocada, Salgueiro. Os carnavalescos souberam contornar bem as críticas. O Presidente da disputa carnavalesca no Rio de Janeiro, Fran Sérgio, disse que quem se incomoda com o fato de o dinheiro ter vindo do país africano é burro.

A agremiação recebeu mais de 10 milhões das empresas africanas e mais 5 milhões da prefeitura do Rio de Janeiro. O ditador da Guiné Equatorial, Teodoro Obiang, foi o doador do dinheiro. Ele já enfrentou processos em vários países por lavagem de dinheiro e corrupção. Em 2011, a justiça americana tentou bloquear seus bens que são avaliados em milhões. O Presidente do país africano tem uma vida polêmica. No ano passado, ele teve que vender, a mando da justiça, sua mansão que fica em Malibu.

Publicidade

Ele teve também que se desfazer da sua valiosa Ferrari, mas manteve os outros bens. O salário do ditador é incompatível com os bens que tem, e isso gera desconfiança da justiça americana.

O ditador chegou ao poder após um golpe militar contra seu tio Francisco Macías, que foi condenado e executado no mesmo ano. Desde de 1990, o país vive da renda do petróleo e o ditador se tornou um dos homens mais ricos da África. A fonte de renda da Guiné Equatorial vem de países ricos. Apesar do petróleo, o país tem uma grande população que ainda vive em estado de pobreza. A taxa de desemprego também é preocupante e a taxa de mortalidade é a maior do planeta. A corrupção é grande e é um grave fator que preocupa as autoridades do país.