Se você acha que torturas físicas e psicológicas a fim de "consertar" algumas pessoas são especialidades do filme Laranja Mecânica, está muito enganado. O The Ridges, localizado em Athens, no estado americano de Ohio, foi um dos lugares mais horripilantes do mundo. No local eram internadas pessoas com problemas mentais, bem como criminosos perigosos, em sua maioria assassinos em série e estupradores.

No manicômio de Ohio era praticada a lobotomia, mas você sabe o que é isso? Se trata de uma intervenção cirúrgica feita no cérebro do paciente, resultando em consequentes traumas. Desde que suas atividades foram encerradas, em 1993, muitas especulações foram levantadas sobre o local, sobretudo de se tratar de um casarão mal assombrado, sendo inspiração para filmes de terror.

Publicidade
Publicidade

A lobotomia foi proibida no estado em 1990, o que de alguma forma influenciou para o fechamento do The Ridges. Algo que surpreende os visitantes corajosos que vão conhecer o local, é a existência de três cemitérios na área externa do #Hospital. O local está cheios de corpos enterrados sem qualquer identificação. Sabe-se apenas que se tratam de pacientes que faleceram no manicômio.

Além da lobotomia, muita gente morreu por conta do excesso de torturas, abusos, espancamentos, desnutrição e castigos cruéis. Por cento e vinte e um anos, pessoas inocentes e criminosos dividiram o mesmo teto. Mas até aí, eram apenas histórias contadas por historiadores, possíveis sobreviventes ou pessoas não identificadas. Recentemente, o mundo descobriu que não se tratava do enredo de um filme ou livro de terror.

Publicidade

Fotos de pacientes sofrendo eletrochoques, desnutridos e amontoados sob camas de madeira e passando por procedimentos cirúrgicos assustadores vazaram na imprensa. Dentre as crueldades, pacientes tinham ferramentas introduzidas na cabeça e nos olhos. Os médicos justificavam que era para conter os mais "complicados" e "exaltados".

Existe uma árvore do lado de fora do manicômio e que hoje pertence à Universidade de Ohio, na qual pessoas eram enforcadas pelos funcionários. Os místicos e supersticiosos alegam ver o fantasma de um homem no local, bem como alunos da universidade contam ouvir barulhos estranhos vindos do que um dia foi o manicômio. #Crime