Aos 109 anos de idade, Alfred Date é considerado o mais velho da Austrália e hoje, ele e sua história de amor e compaixão para com os #Animais, estão estampados em revistas, sites e jornais do mundo todo. Ele colaborou com uma ONG que precisava de casacos de lã feitos especialmente para os pinguins. A visão comprometida e a idade avançada não atrapalharam nem impediram que Date se dedicasse ao tricô e fizesse lindos e coloridos casaquinhos para as aves.

O trabalho é realizado pela Organização Não Governamental "Penguin Foundation". Ela atua na preservação dos pinguins da Phillip Island, que é uma pequena ilha australiana.

Publicidade
Publicidade

Quando algum navio cargueiro permite que haja algum vazamento acidental de óleo no local, as aves de uma espécie de pinguim que só é encontrada no sul da Austrália e Nova Zelândia, precisam de ajuda para não morrerem. Isso acontece por que o óleo deixa as penas mais separadas e a água acaba entrando entre elas com mais facilidade. Com isso, o animal acaba ficando mais pesado e tendo mais dificuldade capturar as presas para sobreviver. Sem contar que como um bica o outro naturalmente, eles acabam ingerindo o petróleo e se intoxicando.

Por isso, os voluntários se unem para capturar os animais atingidos, banhá-los e retirar o óleo de suas penas. Enquanto aguardam a retirada desse óleo, eles são vestidos com casaquinhos de lã. Isso é feito desde 2001 e o índice de animais salvos aumentou com essa medida.

Publicidade

Dos 438 pinguins afetados nesse primeiro ano, 96% foram salvos.

Para continuar o trabalho e salvar ainda mais animais, a Penguin Foundation solicitou à população da Austrália que colaborasse fazendo os casaquinhos. Com isso, seria possível ter um estoque e quando fosse necessário, tudo estaria pronto para socorrer as novas vítimas.

Alfred Date ficou sabendo dessa necessidade através de uma enfermeira que trabalha na casa de repouso para a qual ele acabava de se mudar. Assim que soube, ele não pensou e logo aceitou a nova missão de tricotar. Teve que recordar a técnica que havia aprendido há mais de 80 anos e nunca mais tinha treinado.

Hoje a ONG possui mais casaquinhos do que precisava e os animais, caso precisem, ficarão protegidos graças a esse tipo de trabalho voluntário que foi prestado por pessoas como Alfred Date. Feliz em poder ajudar, hoje ele também tricota toucas para bebês e cachecóis para amigos. #Natureza