Nessa terça-feira (03), Sergio Mattarella tomou posse como novo presidente da Itália. Ele será o 12º presidente italiano desde que o país se tornou uma república depois da segunda guerra mundial. Mattarella já foi juiz do Tribunal Constitucional, tem 73 anos e foi eleito no sábado (31) pelo parlamento italiano, já que no dia 14 de janeiro, o agora, ex-presidente Giorgio Napolitano, 89 anos, renunciou ao cargo. Na cerimônia de posse, Mattarella fez uma homenagem ao seu antecessor.

A cerimônia de posse aconteceu no Palazzo del Quirinale (Palácio do Quirinal), sede da presidência da república em Roma. A posse contou com a presença dos mais altos cargos do Estado, entre eles: o Presidente do Conselho, o Secretário-Geral da presidência, o Conselheiro Militar, o Presidente do Senado, Pietro Grasso, e pelo presidente emérito, o Senador do Diretiro de Vida, Giorgio Napolitano, que entregou ao presidente atual uma L'Ordine al merito della Repubblica Italiana - Ordem ao Mérito da República Italiana - a insígnia de Cavaliere di Gran Croce, ou Cavalheiro da Grã-Cruz.

Publicidade
Publicidade

No cerimonial de posse, houve o tradicional juramento à Constituição, a leitura do art. 91 e logo após, o presidente deixou sua mensagem à nação italiana. Um dos pontos altos do discurso de Mattarella foi ao dizer que "a democracia não é uma conquista definitiva, mas sim, inventada continuamente e encontra fórmulas para se adequar aos novos tempos", falou também da importância de dá continuidade nas reformas, sempre se articulando com o crescimento da Europa.

Mattarella foi eleito para um período de sete anos. O Presidente, no caso, o Chefe de Estado é a única pessoa com o direito de dissolver o Parlamento e convocar, antecipadamente, eleições legislativas.

Sergio Mattarella

Juiz do Tribunal Constitucional de 2011 a 2015, tem 73 anos, nasceu em Parlemo, Sicília. É um combatente feroz da máfia, tendo seu irmão sido assassinato na década de 80 pela Cosa Nostra, como é conhecida a máfia.

Publicidade

A Itália deve a Mattarella a Legge Mattarella (Lei Mattarella), que trata de uma reforma na lei eleitoral italiana. Mattarella foi eleito com 665 votos, dos 1009 deputados que existem no parlamento italiano.

Sistema de Governo italiano

O governo italiano é uma república parlamentarista, onde o parlamento é o principal órgão para decisões do país. O poder executivo é exercido pelo primeiro ministro e há um Chefe de Estado, com poder de governo. A Itália, chama seu chefe de estado de presidente, mas, ele não exerce poderes de presidente, como acontece nos sistemas presidencialistas.