O casal era o mais bonito e invejado de toda a escola e o relacionamento dos pombinhos já durava um ano. Tudo parecia perfeito para dois jovens de dezesseis anos, até que Eduard Perju começou a ficar paranoico achando que sua namorada, Elena Diana, iria terminar o relacionamento com ele.

Decidido a não ter o namoro encerrado e sofrer o abandono, o jovem teve a “grande” e terrível ideia de terminar com tudo antes dela e da pior forma possível. O rapaz convidou Elena para um passeio na praça, pedido que foi prontamente aceito. Ele a recebeu com um beijo, disse que a amava e pediu que se virasse para que ele lhe colocasse um colar, e no momento em que a menina se virou e ele a estrangulou até a morte.

Publicidade
Publicidade

A versão foi contada pelo próprio Eduard quando questionado pela polícia. As autoridades policiais também encontraram em seus bolsos um cabo de plástico que acredita-se ter sido usado como ferramenta para o estrangulamento.

O corpo da menina foi encontrado por uma mulher que passeava com seu cão, ela a viu após o animal fazer grande alarde ao vê-la na grama. A princípio a polícia desconfiou de suicídio, mas depois de constatar o estrangulamento, iniciaram uma investigação para desvendar o #Crime e encontrar o assassino. Quando as autoridades chagaram até Eduard, não tiveram muita dificuldade em obter a sua confissão.

Os vizinhos alegaram que Eduard agiu normalmente nos últimos dias, bem como parecia estar muito feliz. O velório da jovem foi na casa dos avós, onde ela passou a maior parte da vida.

Publicidade

Seu enterro foi repleto de familiares e amigos que se comoveram, acenderam velas e deixaram flores em memória da moça que teve sua vida interrompida bruscamente pelo namorado.

A família ainda não consegue entender o que aconteceu de fato para que Eduard cometesse algo tão horrível. Ninguém soube se Diana queria mesmo encerrar o relacionamento ou se tudo não passou de uma paranoia doentia de Eduard ou um pretexto para executar o crime. O pai da menina postou uma mensagem comovente em seu perfil do Facebook e uma página foi criada em sua homenagem na mesma rede social.