Conforme o tempo passa as notícias vão deixando o caso trágico da queda ao avião nos Alpes franceses menos nebuloso, e mais uma vez envolvendo o principal responsável pela possível queda proposital da aeronave, o Copiloto Andrea. Em uma investigação na casa de Andreas, foram encontrados vários exames rasgados, e um atestado médico do dia do acidente que o proibia de trabalhar. Os investigadores disseram que ele escondeu a doença e o tratamento dos empregadores, só sendo descoberto ontem através das buscas em sua casa.

Ainda sobre a sua saúde, consta nos registros médicos da empresa que o copiloto teve sua formação interrompida durante seis meses, devido à uma grave depressão.

Publicidade
Publicidade

Em seu prontuário existia a observação para que ele passasse por exames psicológicos e de saúde em geral regularmente, o que possivelmente não aconteceu devido ao empregado esconder de todos o seu tratamento. Durante a sua formação ele foi julgado inadequado para voar, tendo que receber acompanhamento psicológico integral.

Ainda muita coisa está turva e estranha sobre o caso, mas as informações que sempre vazam são muito esclarecedoras para irmos entendendo aos poucos o caso. Os promotores estão vasculhando a vida do copiloto desde que ele nasceu praticamente. Estão tentando encontrar uma razão plausível que os faça ter uma resposta pra todo o mundo, há rumores de que ele estava passando por uma grande crise em sua vida particular.

O copiloto mantinha uma vida saudável e até corria em algumas maratonas, o que pode descartar de vez as hipóteses de um mal súbito, pendendo mais pra um colapso mental que o fez se matar e levar com ele mais de 149 vidas inocentes.

Publicidade

O fato é que não adianta qual seja a resposta, a desculpa ou a justificativa do caso, as famílias sofrerão ainda por anos a fio com o sentimento de ter perdido parentes por causa da inconsequência de uma pessoa.

E fica a pergunta que não quer calar: Que empresa é esta que deixa escapar uma doença em um funcionário com um cargo desta responsabilidade?