A polícia francesa informou que as medidas tinham reduzido os engarrafamentos em torno de Paris em até 40% e que 2.800 motoristas foram multados por desrespeito a regulamentação.

Apenas carros 'limpos', aqueles com matrículas regulares ou de veículos que transportem mais de três pessoas foram autorizados a entrar em Paris e 22 áreas vizinhas na segunda-feira, 23/3, em uma tentativa de reduzir o nível de partículas PM10 provenientes dos motores diesel.

Veículos também foram obrigados a rodar numa velocidade máxima de 20km/h dentro cidade. Estima-se que 750 policiais foram enviados a partir de 05h30 em diante a cerca de 100 estradas movimentadas e cruzamentos para distribuir multas para aqueles que ignoraram as medidas.

Publicidade
Publicidade

Pedestres e ciclistas na cidade disseram que a poluição tornou-se cada vez pior ao longo das últimas semanas. Durante várias horas na quarta-feira da semana passada, Paris foi declarada a cidade mais poluída do mundo - pior do que Xangai, que normalmente está no topo da lista. A poluição atingiu o pico e uma nuvem de fumaça obscureceu quase completamente pontos famosos da cidade, incluindo a Torre Eiffel.

O efeito da proibição de algumas das avenidas mais movimentadas da capital foi visível na segunda-feira de manhã. Em pontos como os Grands Boulevards, as principais rotas da Place de l'Opera de Place de la Republique, o tráfego estava se movendo livremente. Em uma manhã normal de dia de semana, o trânsito tranca e se arrasta de semáforo para semáforo.

Esta foi a terceira vez, desde 1997, que as autoridades de Paris recorreram a essas medidas de emergência.

Publicidade

No ano passado, uma proibição semelhante de 2 dias obteve um impacto positivo sobre a qualidade do ar, reduzindo as partículas PM10 e óxidos de azoto (NOx), tóxicos de acordo com a Airparif, que mede a poluição na capital.

Especialistas dizem que o problema é causado por monóxido de carbono e partículas PM10 de veículos, uma ausência de vento para dispersar os poluentes e outras condições meteorológicas, incluindo a luz do sol, juntamente com uma queda na temperatura que conduz a uma cobertura estagnada de ar quente sobre Paris.