O #Estado Islâmico atacou ontem (5) uma igreja na Síria, que havia sido construída há 80 anos. Segundo informações, não se sabe se o atentado deixou mortos ou feridos. O grupo terrorista teria colocado explosivos dentro da Igreja da Virgem Maria, localizada em Tel Nasri. De acordo com o governo sírio, a área está sendo dominada pelo grupo terrorista, que está em confronto com resistentes cristãos e curdos que moram na região. Esta não é a primeira vez que o grupo ataca locais de outras religiões.

Troca de Militantes

Hoje (6) o governo sírio e o Estado Islâmico fizeram uma troca de prisioneiros. Segundo informações, duas crianças e mulheres foram trocadas por um comandante do grupo terrorista. De acordo com o Observatório Sírio, as 10 crianças e as 15 mulheres foram sequestradas há mais de um ano em cidades xiitas, no norte do país.

A troca de reféns ainda não foi publicada pela comunicação do governo, mas, o Chefe do Observatório Sírio confirmou a informação à agência de notícias Reuters. Trocas de prisioneiros como essa são pouco comuns no conflito. Até agora, a guerra na Síria deixou mais de 220 mil vítimas fatais.

Destruição de Antiguidades

Ontem (5), o grupo terrorista também divulgou um vídeo em que destrói antiguidades de um sítio arqueológico no Iraque. Esta ação havia sido denunciada no mês passado pela Unesco. A cidade de Hatra tem mais de 2.000 anos de idade e é um dos patrimônios históricos da organização.

No vídeo aparecem dois terroristas destruindo o local, onde um deles diz que o Estado Islâmico os enviou para a destruição, pois ali existem outras figuras que são adoradas em vez de Deus. Durante a ação, os criminosos danificam estátuas, assim como arrancam esculturas da parede.

Apesar do vídeo, a cidade de Hatra está bem preservada ainda. De acordo com as informações, as peças estragadas durante o vídeo podem ser réplicas, por serem feitas com hastes de metal. Além da cidade de Hatra, o Estado Islâmico também atacou o Museu de Mossul, onde destruiu obras preciosas, e a cidade antiga de Nimrud.

#Ataque