É uma história comovente a de Josh Thompson, um homem de 22 anos que perdeu sua namorada na noite da última quarta-feira, dia 23, em Sheffield, na Inglaterra. Abigail Hall morreu aos 18 anos e Josh não teve tempo de pedir ela em casamento, como tanto sonhara. No velório da menina e na frente de toda a família, Josh colocou um anel de noivado no dedo dela antes de falar "Agora estamos noivos". Mais tarde, colocou uma foto no Facebook, confirmando o noivado. 

A história está a comover a Inglaterra. As causas da morte de Abigail ainda estão serão apuradas. A inglesa estudava ciências biomédicas fazia uma semana na faculdade de Sheffield, quando foi encontrada morta pelos colegas, em casa.

Publicidade
Publicidade

Para já, as autoridades não apontam qualquer indício de crime e um colapso terá sido a causa de morte mais provável da jovem Abigail. A morte da garota pegou a todos desprevenidos e mais ainda o namorado, Josh, que estava na Grécia fazendo um trabalho de treinamento de tênis. 

Sem mais demoras, Josh voou até a Inglaterra e já no velório fez esta surpresa para a amada. O anel de noivado fazia tempo que estava no bolso. É que Josh pensava fazer o grande pedido já no próximo ano. A inesperada morte roubou a amada de Josh mas não o amor. E a melhor prova disso mesmo foi o pedido emocionante que o jovem reservou para o velório da menina. 

Após pedir licença para os pais de Abigail, Josh se aproximou do caixão da namorada, colocou o anel no dedo da menina e sussurrou o pedido de casamento mais comovedor de sempre.

Publicidade

"Abigail Hall e eu estamos noivos. Ela é minha vida", escreveu mais tarde no Facebook em uma foto em que aparece com a mão entrelaçada com Abigail já com o anel no dedo. 

A linda história de amor de Josh e Abigail foi interrompida bem cedo mas teve um capítulo final comovente. No Facebook, o jovem explicou seu gesto, totalmente movido por amor a Abigail. "Não há palavras que expressem o amor que sinto por ela, era a razão pela qual eu acordava todas as manhãs", escreveu Josh, citado pelo jornal inglês Mirror.  #Europa #Blasting News Brasil