Há alguns meses, um 'pequeno tumor' benigno foi diagnosticado no cérebro do papa Francisco. Essa notícia surpreendeu a todos e foi veiculada pelo jornal italiano 'Quatodiano Nazionale', nesta quarta-feira, 21. Segundo a AFP, o porta-voz do Vaticano, padre Federico Lombardi, negou tudo. "A divulgação de notícias sem o menor fundamento é algo grave e irresponsável, não merece a menor atenção", disse.

De acordo com informações do jornal, Francisco teria se submetido a um exame médico e foi detectado uma 'pequena sombra' no cérebro do santo padre. Tal exame teria sido realizado a cerca de sete meses por um especialista japonês, o professor Takanori Fukushima, na Clínica San Rossore Barbaricina, próximo a cidade de Pisa.

Publicidade
Publicidade

Segundo o Quatodiano, o professor teria dito ser desnecessária uma cirurgia, pois o tumor não era maligno.

Fantasma

A agência EFE informou com todos os detalhes que o pontífice nunca fez nenhum exame médico na Toscana, muito menos se consultou com um médico japonês especialista em tumores. O padre Lombardi afirma que checou a veracidade das informações e, inclusive, conversou com o papa. Ele garante que a noticia é falsa e Francisco está com a saúde perfeita.

"Não recebemos a visita de nenhum médico japonês, tão pouco o papa submeteu-se a exames desse tipo. Se alguém viu esse médico, era um fantasma". Lombardi pediu às pessoas que encerrem esse assunto. "Se alguém tem alguma dúvida basta olhar para o papa durante a audiência geral e também em suas viagens, seu único problema é conhecido, o de caminhar", concluiu o porta-voz.

Publicidade

Mesmo tendo sido desmentido pelo Vaticano, Andrea Cangini, diretor de redação do referido jornal, afirma que a informação é verídica. "Já esperávamos por isso, é compreensível. Tivemos o cuidado de guardar a notícia até termos certeza de sua confirmação, não temos dúvida nenhuma disso", afirmou Cangini.

Sinais de cansaço

O pontífice de 78 anos, apesar da idade, tem uma agenda lotada, mas, ultimamente, cancelou alguns compromissos, alegando sentir-se cansado. Recentemente declarou não ter muito tempo de vida, mas sem citar qualquer doença. Francisco disse que as visitas oficiais o tem deixado fatigado, porém, já tem uma viagem agendada para novembro, quando visitará a África por cinco dias. #Igreja #Doença #Blasting News Brasil