Esta quinta-feira, dia 29 de outubro, foi anunciada o fim da política que proibia os casais de terem mais do que um filho. Esta decisão foi tomada pelo Comitê Central do Partido Comunista Chinês. A política do filho único tinha sido imposta no ano de 1979 com o objetivo de controlar todo o crescimento demográfico. No entanto, com esta nova política os casais podem ter no máximo apenas dois filhos. A #China possui neste momento cerca de 1.36 milhões de habitantes. No entanto, a população chinesa encontra-se bastante envelhecida, o que provoca graves consequências na economia da China.

Segundo o presidente da Informação de Mercados Financeiros (IMF), Filipe Garcia, a maioria dos casais já não têm interesse em ter mais do que um filho como acontecia há alguns anos.

Publicidade
Publicidade

Neste momento, as famílias começam a sentir várias dificuldades financeiras e, dessa forma, já não pretendem ter mais do que um filho.

Segundo Mu Guangzong, professor de Demografia na Universidade de Pequim, a população está envelhecendo muito rapidamente e a taxa de natalidade da China é muito baixa.

Um dos objetivos principais da decisão desta nova política foi de carácter econômico, uma vez que a mão de obra da China está escassa e a população crescente de idosos gera custos bastante elevados. Filipe Garcia acrescentou ainda que os efeitos na mão de obra da China não se vão verificar de imediato. Segundo o presidente do IMF, será necessário esperar por uma nova geração para sentir as diferenças econômicas no país. Estima-se que sejam necessários cerca de quinze a dezoito anos para que se atinja a idade economicamente ativa.

Publicidade

Segundo alguns estudos realizados, no ano passado cerca de um décimo da população chinesa tinha idade superior a 65 anos. Estes dados provam o rápido envelhecimento da população no país asiático. Com base no New York Times, apenas 12% de todos os casais elegíveis para ter um segundo filho pediram autorização para tal. São necessários custos elevados para conseguir ter e criar uma criança no país asiático.