#Lionel Messi se sente muito desconfortável com toda a sua situação judicial e pretende mesmo abandonar o seu clube de coração: o Barcelona. Segundo informa a “Cadena Cope”, o risco do craque ser condenado por sonegaçãpo ao fisco é enorme e Messi não quer nem arriscar ir para a prisão por um período  de dois anos. Para isso, Messi, no final do seu contrato com o Barcelona, vai abandonar de vez Espanha, por causa essencialmente de estar cansado em ter que explicar todos os anos a sua situação fiscal e da campanha que está havendo contra si a sua família.

O legado de um dos melhores jogadores pode ser para sempre manchado por causa de quatro milhões que terão sido desviados para paraísos fiscais, tudo para não pagar impostos em cima desse montante.

Publicidade
Publicidade

Porém, em uma larga investigação, as autoridades espanholas descobriram a grave ilegalidade e agora a Procuradoria-Geral espanhola acusa o Lionel Messi de vários crimes, que podem fazer com que ele seja preso nos próximos dois anos.

Sabendo desse mesmo risco, o craque do Barcelona não se importa de abandonar o seu time de sempre só para que ele e sua família consigam sair o mais rapidamente possível de Espanha. Segundo a matéria do jornal “Cadena Cope”, Lionel Messi tem receios de que o juiz considere ele culpado tal como seu pai, que também está sendo acusado dos mesmos crimes. Além disso, o argentino acha que a imprensa espanhola, bem como sua justiça, estão fazendo uma grande perseguição a ele.

A data do início do julgamento ainda é desconhecida, mas com certeza não será muito depois dos primeiros dois meses do próximo ano.

Publicidade

O jogador continua afirmando que é inocente e que sempre cumpriu com suas obrigações e deveres, mas as autoridades espanholas não concordam com isso. Em último caso, Messi abandonará mesmo o Barcelona o que manchará para sempre a imagem de uma lenda que estava sendo construída. Conseguirá um dos melhores de sempre provar que é inocente, continuando assim a sua caminha brilhante no Barcelona, time onde joga desde sua infância? #Crime #Investigação Criminal