Aleira Avendño é uma modelo venezuelana, de 25 anos, que adora ser admirada nas redes sociais e onde mora, em Caracas. As curvas da moça são finíssimas e nada comum. Os seios grandes, e uma cintura de apenas 50 cm, fazem a moça chamar a atenção por onde passa.

Ela confessa que é completamente compulsiva por corseletes e cintos, e chega a dormir com eles. O resultado da silhueta fina vem das horas diárias que a moça passa apertando o seu abdômen com uso de corselete. A modelo disse que chega a utilizar a peça por até 23 horas por dia.

As medidas nada convencionais de Aleira também são resultadas de cirurgias plásticas que a moça passou, ela aumentou os seus seios, bumbum, fez lipoaspiração e passou por uma rinoplastia para diminuir o nariz.

Publicidade
Publicidade

Há seis anos, a moça usa a técnica para diminuir a cintura, ela só retira a cinta para tomar banho.

Aleira conta que gosta de ver as pessoas parando para olhar para ela, alguns não acreditam ser de verdade a silhueta, algumas vezes, ela diz receber comentários maldosos e até comparações com um homem e extraterrestre. "Eles dizem que eu tive muita cirurgia, que eu não tenho costelas e que eu sou um homem”, afirma.

Quando começou a usar a técnica, a jovem revela que sentia muitas dores e, apesar de diversos conselhos médicos do risco à saúde, a modelo insiste em usar a peça e não deixa de lado o acessório, que já se tornou uma necessidade. Ela revela que, quando não usa o acessório, a sua pele começa a incomodar e coçar muito.

Segundo a publicação no Venezuelaaldia, o médico Andrés Ruiz alerta Aleira: “Em minha opinião médica ela deveria parar com isso imediatamente”, diz.

Publicidade

“Graças a Deus ela não teve quaisquer danos até agora, mas ela deve parar antes que seja tarde demais”, conclui o médico responsável por cuidar da saúde da modelo.

"Mas não é a dor - é mais prazer, eu gosto da pressão”, conta a moça, que faz o uso diário da peça. A modelo deseja ser conhecida como a mulher com a cintura fina, mas não desejava ser a silhueta menor do mundo.

Agora, Aleira almeja ser reconhecida como uma mulher sexy, de um corpo perfeito. "Isso seria uma das minhas ambições, a de ser muito conhecida pela forma do meu corpo. Além de ter uma cintura pequena, eu também quero ser considerada sexy", revela a modelo. #Beleza #Comportamento #Blasting News Brasil