Em Santa Fé na Argentina, houve uma grande polêmica nos últimos dias e tudo por causa de um nome, quando os pais chegaram no cartório para registrar a criança, os mesmos foram categóricos e disseram que seu primeiro filho iria se chamar 'Lúcifer'  e a decisão foi acatada, porém depois do registro houve um enxurrada de críticas em cima da própria Argentina, por permitir que fosse colocado esse nome em um recém-nascido, porém nem os pais e nem o país modificaram o nome da criança já que é aprovado por lei que os progenitores nomeiem os filhos com o nome que eles quiserem, fato que causou indignação nas redes sociais e gerou várias especulações de que o Anticristo havia nascido e que ele seria argentino.

Publicidade
Publicidade

Quem não perdoou a atitude dos pais da crianças foram os religiosos, que criticaram a postura da Argentina que permite que esse nomes sejam registrados em cartório, os progenitores do bebê se defendem com o argumento que o nome Lúcifer tem um significado poético e muito bonito, o nome em latim quer dizer: 'O portador da luz', mas essa tentativa de aliviar a situação não funcionou, pois nas redes sociais disseram que a criança irá sofre preconceitos e discriminações por carregar o mesmo nome do anjo que caiu do céu, no entanto quando crescer se Lúcifer quiser poderá mudar de nome e colocar um que o agrade mais.

Uma pergunta então surgiu: Será que o pai e a mãe possuem a liberdade de expressão para colocarem qualquer nome em seus filhos? Não se sabe, pois teve as pessoas que foram contras e criticaram duramente o nome de batismo da criança, e outras pessoas gostaram da então coragem que os progenitores tiveram em colocar um nome nada convencional no seu filho.

Publicidade

Lúcifer é um dos personagens mais emblemáticos da sociedade religiosa, a história do anjo que caiu do céu é recorrente no livro mais vendido da história 'A Bíblia Sagrada', por isso não é de se estranhar que esse tema tenha ganhado tanta repercussão já que existe muitas teorias em torno da figura do 'anticristo', e quando um bebê argentino recebeu esse nome, a polêmica ganhou força e se tornou um dos assuntos mais comentados e discutidos. Agora é espera para ver se o pequeno Lúcifer vai querer mudar o nome quando crescer, ou se levará o mesmo para o resto de sua vida. #Curiosidades #Comportamento